14 de julho de 2024

TV Prefeito

Portal de notícias dos municípios com videos e entrevistas. Cobertura diária das cidades das regiões: Metropolitana, Serrana, Lagos, Norte, Noroeste, Médio Paraíba e Centro Sul do estado do Rio de Janeiro. O melhor da notícia está aqui.

Primeiro dia da Conferência Municipal de Saúde reuniu mais de 300 pessoas para debates sobre o SUS

Encontro integrou a população para palestras sobre a área, apresentando também propostas para a melhoria dos serviços

O Conselho Municipal de Saúde (CMS), com apoio da Secretaria de Saúde de Maricá, realizou neste sábado (18/03), o primeiro dia da 10ª Conferência Municipal de Saúde, mobilizando mais de 300 moradores para diálogos sobre o tema “Defender o SUS, a vida e a democracia: amanhã vai ser outro dia!”. A população presente pôde participar de diversas atividades, incluindo palestras de profissionais da área sobre quatro eixos temáticos, grupos de trabalho abordando os assuntos principais do evento, além da apresentação de propostas essenciais para otimizar os serviços de saúde da cidade, baseadas nas discussões do fórum preparatório.

O evento é de suma importância para integrar gestores, conselheiros, trabalhadores da área e os moradores em geral, buscando o fortalecimento do Sistema Único de Saúde (SUS) na esfera municipal. Além disso, ele assegura a participação popular e o controle social na construção das políticas públicas de saúde efetivas, seguindo as principais demandas da população.

Os participantes também contaram com Práticas Integrativas e Complementares de Saúde (PICs), que são oferecidas na Atenção Primária à Saúde, como auriculoterapia e massoterapia. Além disso, foram distribuídos preservativos, oferecidas orientações de planejamento familiar e reprodutivo, aconselhamento sobre combate ao tabagismo e compartilhadas informações sobre o Núcleo de Ostomizados de Maricá.

Bruno Lougon, presidente do Conselho Municipal de Saúde, destacou a importância de construir o evento em rede, contribuindo para proporcionar debates sobre os serviços do SUS e qualificá-los ainda mais.

“É uma honra tornar realidade a 10ª Conferência Municipal de Saúde e agradeço a presença de cada um, além da parceria dos gestores da cidade nesse processo. Sou conselheiro há algum tempo e assumi a presidência há pouco mais de um ano, em um momento de muitos desafios, principalmente por conta da pandemia da Covid-19, conseguindo promover o diálogo entre o conselho e fortalecendo a nossa contribuição com a gestão. Gratidão a todos que atuaram na elaboração dessa conferência, lutando e batalhando por um SUS digno, eficiente e para todos, ajudando no controle social e na construção coletiva de uma saúde de qualidade”, afirmou.

União pela defesa e avanços no SUS

A secretária de Saúde, Solange Oliveira, participou da mesa de abertura do evento e ressaltou o papel mobilizador da conferência, fundamental para otimizar os serviços do SUS em Maricá por meio de debates plurais e democráticos.

“Parabenizo o Conselho Municipal de Saúde pelo evento e contribuição diária, fiscalizando o nosso trabalho e trazendo um retorno importante para a gestão. Isso ajuda a melhorarmos cada vez mais os serviços do SUS na cidade, indo além de tratar e prevenir doenças, promovendo a saúde através da transversalidade e intersetorialidade. A plenária estava cheia de profissionais de saúde, usuários e representantes de movimentos sociais, coletivos que estão juntos para construir uma saúde ainda melhor e entendendo esse processo como pertencente à todos”, garantiu.

Rafael Borges, membro do Conselho Estadual de Saúde do Rio de Janeiro, reforçou a importância do encontro municipal para estabelecer propostas coletivas para o SUS, que serão encaminhadas para a conferência estadual e, posteriormente, à nacional.

“Somos um grupo de 16 pessoas que acompanham 92 cidades, sendo as conferências municipais a etapa inicial, seguindo para a estadual e depois para a nacional. Por isso, parabenizo todos que participaram e atenderam a esse chamado, integrando um espaço de construção coletiva, participação popular e controle social. Esse é o momento de exercemos a cidadania, lembrando que todos somos usuários do SUS e devemos discutir e dialogar sobre as políticas públicas, lutando pelos nossos direitos. Todos que compareceram estão construindo os serviços de saúde, algo fundamental para a democracia e seguir avançando”, concluiu.

10ª Conferência Municipal de Saúde continua

Neste domingo (19), a partir das 8h, a Conferência Municipal de Saúde continua no CEPT Zilca Lopes da Fontoura, com ações que contribuem para o fortalecimento dos serviços do SUS. O segundo dia do encontro contará com a plenária final de votação das propostas para a saúde de Maricá, além de um momento de homenagens.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *