14 de julho de 2024

TV Prefeito

Portal de notícias dos municípios com videos e entrevistas. Cobertura diária das cidades das regiões: Metropolitana, Serrana, Lagos, Norte, Noroeste, Médio Paraíba e Centro Sul do estado do Rio de Janeiro. O melhor da notícia está aqui.

Niterói cadastra trilhas em aplicativo colaborativo da Rede Brasileira de Trilhas

Município irá sediar a primeira capacitação para as cidades fazerem o cadastramento na plataforma

No próximo dia 14, Niterói irá sediar um workshop promovido pela Rede Brasileira de Trilhas para os municípios participantes do Volta ao Rio, trilha de longo curso que está em fase de implementação e tem o objetivo de conectar as unidades de conservação existentes no Estado do Rio de Janeiro. O encontro é o primeiro promovido para capacitar os gestores municipais fluminenses para cadastrarem as trilhas das cidades no aplicativo eTrilhas, plataforma oficial da Rede. 

A Secretaria de Meio Ambiente de Niterói já cadastrou as trilhas do município no app, que pode ser baixado pelos sistemas Android e IOS. Além dos caminhos localizados no Parque Natural Municipal de Niterói (PARNIT), como as trilhas da Pedra do Santo Inácio, Colonial, do Bosque dos Eucaliptos e a Travessia Tupinambá, a ferramenta também apresenta a trilha do Morro do Morcego, em Jurujuba, e a das Ruínas da Chácara do Vintém, no Bairro de Fátima.

O aplicativo eTrilhas divulga os caminhos com fotos, textos, informações técnicas e mapas.

A engenheira ambiental da Secretaria de Meio Ambiente de Niterói, Maria Carolina Campos, explica que o app tem potencial para fomentar o uso público nas unidades de conservação e auxiliar a municipalidade na gestão dessas áreas.

“A importância de aderir ao eTrilhas está associada à divulgação dos trechos que compõem o Sistema Municipal de Trilhas (Nittrilhas), criado pela secretaria em 2020, por meio do envolvimento dos visitantes. Essa iniciativa reforça o destaque do município frente às ações voltadas para o ecoturismo”, afirma.

Uma das responsáveis pela ferramenta, a turismóloga Paula Rascão, afirma que a plataforma incentiva a visitação apresentando as trilhas com informações seguras, disponibilizadas pelos próprios gestores e com ferramentas de engajamento, como o passaporte de trilhas que é alimentado a cada check-in do usuário. Além de atrair mais visitantes, o app também convida os usuários a colaborarem na conservação. 

“A plataforma permite que o usuário aponte problemas nas trilhas e os comunique diretamente aos gestores, com o relato visível para outros usuários. O aplicativo também permite o compartilhamento de check-in e avaliação das trilhas em redes sociais”, explica.

Congresso de trilhas – Entre os dias 20 e 24 de setembro, Niterói irá sediar o 2º Congresso Brasileira de Trilhas, no Caminho Niemeyer. No evento, que reunirá representantes de diversas trilhas nacionais e internacionais, serão apresentadas as iniciativas realizadas que contribuíram para tornar a cidade referência em avanços na integração das áreas protegidas do município e do seu Sistema Municipal de Trilhas, bem como o desenvolvimento do ecoturismo e da prestação de serviços como importantes fatores de incentivo da economia local.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *