Força Nacional do SUS ultrapassa 3,5 mil atendimentos à população do Rio Grande do Sul

Em 15 dias, a Força Nacional do Sistema Único de Saúde (SUS) ultrapassou 3,5 mil atendimentos no Rio Grande do Sul. O estado sofre os impactos de severas enchentes desde 3 de maio e tem 90% do território devastado. Somente o Hospital de Campanha de Canoas realizou 2.041 atendimentos. A unidade de Porto Alegre, 503. A estrutura de São Leopoldo, a mais recente a iniciar operações, acumula 47 atendimentos.

As equipes volantes atenderam 887 pessoas. Houve, no acumulado, 56 remoções aéreas e 120 atendimentos psicossociais. O volume de atendimentos reflete o pronto investimento do Ministério da Saúde na ampliação das equipes e da rede de assistência.

Segundo os dados do Comitê de Operações Emergenciais (COE) para o Rio Grande do Sul, 25% dos atendimentos são relacionadas a doenças respiratórias. Outros 7% são de diarreias.

 

Ampliação da rede

O município de Novo Hamburgo, distante 78 quilômetros de Porto Alegre, receberá o quarto hospital de campanha do Ministério da Saúde. A decisão foi divulgada neste domingo (19) pelo COE.

A nova estrutura funcionará 100% com recursos da Força Nacional do SUS e do Grupo Hospitalar Conceição (GHC). O hospital terá seis médicos e três enfermeiros, além de técnicos de enfermagem. A unidade receberá pacientes 24 horas por dia e tem capacidade para entre 150 e 200 atendimentos diários.

Nesta semana, será iniciada a montagem e o início do funcionamento será divulgado nos próximos dias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *