Corpus Christi: tapetes, missa e procissão marcam celebração da fé em Macaé

Com um templo a céu aberto, fiéis de todas as paróquias de Macaé participaram nesta quinta-feira (30) da celebração de Corpus Christi. A data foi marcada pela confecção dos tradicionais tapetes, além da Santa Missa e Procissão do Corpo e Sangue de Jesus. A fé católica foi demonstrada em um extenso tapete com cores e imagens sacras na Avenida Agenor Caldas até o cruzamento com a Rua Papa João XXIII.

Os tapetes foram confeccionados desde às 6h da manhã com serragem, areia, folhas, flores, entre outros materiais. A tradição representa o reconhecimento da santíssima eucaristia. Para a fé católica, a passagem pelo tapete tem um significado especial. O ostensório, que armazena o Corpo de Cristo na hóstia, é carregado pelo sacerdote por essas ruas enfeitadas, e os fiéis só podem pisar nesses desenhos após a passagem do padre. É uma representação de que Jesus anda por ali e é recebido com um belo tapete pelas ruas da cidade.

Na Avenida Elias Agostinho foi celebrada a missa campal. Em seguida, os fiéis participaram da procissão sobre os tapetes, com o seguinte percurso: Avenida Elias Agostinho; Avenida Agenor Caldas; Avenida Rui Barbosa; Rua São João, até a Igreja São João Batista.

Uma multidão cantou músicas religiosas até o final do percurso. A família da professora Cíntia Santos, 45 anos, participa todos os anos da programação de Corpus Christi. “A confecção dos tapetes, a missa e a procissão representam a nossa fé, pois estamos juntos em comunhão. Toda essa programação me emociona muito”, disse.

O vigário episcopal do Vicariato Litoral, padre Gleison Lima da Silva, falou sobre a celebração da fé. “Estamos todos aqui hoje com a presença de fiéis e todos os padres de Macaé. É um momento de demonstrarmos nossa fé com as famílias aqui presentes”, destacou.

Em Córrego do Ouro, serra macaense, também houve a confecção dos tapetes e procissão, no feriado de Corpus Christi. As celebrações seguiram pela Rua Alzemiro Thomaz; Rua Roberto Muniz de Souza; Rua Antônio Paes; Avenida Miguel Peixoto Guimarães, até a Paróquia Nossa Senhora das Neves.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *