13 de julho de 2024

TV Prefeito

Portal de notícias dos municípios com videos e entrevistas. Cobertura diária das cidades das regiões: Metropolitana, Serrana, Lagos, Norte, Noroeste, Médio Paraíba e Centro Sul do estado do Rio de Janeiro. O melhor da notícia está aqui.

Transpetro prevê investimentos de R$ 7 mi em projetos esportivos via Lei de Incentivo

A Transpetro, subsidiária da Petrobras, anunciou na quarta-feira (12/6) uma iniciativa inédita para fortalecer o cenário esportivo nacional e a cultura brasileira – a liberação de R$ 7 milhões destinados a projetos esportivos, via Lei de Incentivo ao Esporte (LIE) e R$ 10 milhões à cultura via Lei Rouanet, perfazendo um total de até R$ 17 milhões.

“O edital Transpetro em Movimento, lançado pela primeira vez na história da empresa, vai atender projetos já autorizados a captar recursos via Lei de Incentivo ao Esporte, com atuação no esporte amador, compreendendo projetos inclusivos, com ações de valor mínimo de R$ 400 mil”, afirmou a diretora da Lei de Incentivo do Ministério do Esporte, Isania Cruvinel.

Para isso, os proponentes podem acessar e se inscrever gratuitamente no site da Transpetro www.transpetro.com.br, de 12 de junho a 12 de julho de 2024, para concorrer à seleção pública. Os projetos inscritos serão submetidos a etapas de triagem administrativa, triagem técnica e avaliação por uma comissão de seleção. As propostas selecionadas serão divulgadas a partir do dia 8 de outubro. O regulamento da seleção pública pode ser consultado no site da Transpetro.

Edital

“Desde que assumi a presidência da Transpetro, busco a meta de retomar o protagonismo da estatal no desenvolvimento econômico e social do país. Esse edital de patrocínio cultural e esportivo, o primeiro na história da empresa, consolida o compromisso e assegura que os resultados financeiros da companhia estejam associados ao investimento na sociedade e à geração de impactos positivos na vida das pessoas”, explicou o presidente da Transpetro, Sérgio Bacci.

Terão pontuação adicional os projetos com execução prevista em regiões de atuação da Transpetro. “Esse foi um cuidado que tivemos. Projetos que forem executados em nossa área de abrangência terão pontuação adicional e aqueles para os públicos prioritários, como comunidades tradicionais, povos indígenas, pescadores, quilombolas, pessoas com deficiência, LGBTQIA+, mulheres, crianças e negros, pois a Transpetro tem várias ações voltadas para a diversidade. É um direcionamento forte da nossa gestão”. Além disso, temas que trabalhem com sustentabilidade, direitos humanos e inovação também”, ressaltou a gerente da Transpetro, Lílian Rosseto.

“Essa iniciativa da Transpetro tem imenso significado para o esporte brasileiro. É com parcerias assim que fortalecemos o nosso trabalho em buscas de alternativas para levar projetos esportivos para as regiões mais vulneráveis. É dessa forma que vamos tornar efetiva a missão que o presidente Lula nos deu, de fazer do esporte uma ferramenta de integração e inclusão social”, comemorou o ministro do Esporte André Fufuca.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *