Secretaria de Educação de Maricá recebe premiação em reconhecimento ao avanço no Ideb

A Prefeitura de Maricá, por meio da Secretaria de Educação, recebeu uma premiação especial da Editora Moderna em reconhecimento ao relevante avanço no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), que levou o município a figurar entre as 10 melhores escolas municipais do Estado do Rio de Janeiro para alunos do 9º ano ao Ensino Fundamental. O prêmio foi recebido durante a Semana de Formação Continuada para Professores, realizada entre os dias 1º e 6 de fevereiro.

A Secretária de Educação, Adriana Costa, recebeu simbolicamente a homenagem, estendendo o mérito a toda a comunidade escolar. “Este reconhecimento do nosso trabalho no município é gratificante, nos motiva e indica que estamos no caminho certo do processo de transformação social, que acreditamos ser possível por meio da educação”, afirmou.

Evolução expressiva de Maricá no Ideb

O resultado do Ideb, que mostra a qualidade da educação básica na cidade, foi divulgado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) em setembro do ano passado. Ele aponta que Maricá manteve a trajetória de crescimento dos resultados educacionais que já vinha apresentando nos anos anteriores.

Nos anos finais (9º ano do ensino fundamental) a cidade avançou de 4,8, em 2019, para 5,4, em 2021; números que fizeram o município subir três posições no ranking entre as cidades do Rio, do 13º para o 10º. Em 2015, Maricá ocupava a 50ª colocação, o que representa um salto de 40 posições no período.

Já nos anos iniciais (5º ano do ensino fundamental), avançou no índice de 5,4, em 2019, para 5,6, em 2021; subindo 17 posições entre as cidades do estado do Rio, de 47º para 30º. Considerando os dados desde 2015, a cidade subiu da 59ª posição para a 30ª, um avanço de 29 posições.

O índice tem o objetivo de medir a qualidade do ensino nas escolas públicas por meio da aplicação de provas, a cada biênio. Mesmo com a pandemia do novo coronavírus, que levou à adoção do ensino remoto no país a partir de 2020, as avaliações foram aplicadas em 2021.

Os bons indicadores nesta etapa da aprendizagem evidenciam a regularidade no ensino, que não decai conforme a passagem dos anos. O resultado é fruto do compromisso coletivo da Secretaria de Educação e das escolas, que adotaram medidas para proporcionar ensino remoto de qualidade, retorno seguro das atividades escolares e valorização dos profissionais da educação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *