Rio de Janeiro bate recorde de novas empresas abertas em abril

Junta Comercial registra 7.035 novos negócios no estado, onde apenas este ano já foram abertas mais de 24 mil empresas

O número de empresas abertas no estado do Rio de Janeiro no mês de abril foi o melhor já registrado pela Junta Comercial do Estado do Rio de Janeiro (Jucerja) em todos os meses de abril em seus 215 anos de história. Ao todo, foram computados 7.035 novos negócios, um aumento de 29% em relação ao mesmo mês em 2023, quando foram registradas 5.442 empresas. O antigo recorde era de 2022, com 5.590 aberturas.

– A criação de novas empresas significa geração de novos empregos, mais renda para a população fluminense, aumento do consumo, diversificação de oportunidades, maior competitividade e fortalecimento da economia. É o ambiente favorável para negócios que estabelecemos no estado, para incentivar empreendedores e atrair investidores, e que vem resultando nos números extremamente significativos que temos alcançado a cada mês – comentou o governador Cláudio Castro.

Nos quatro primeiros meses de 2024, a Jucerja já registrou 24.293 novas empresas no Estado do Rio. O total de novos negócios no mês de abril é também o melhor de 2024. Em janeiro, foram abertas 5.528 empresas, em fevereiro, 5.820, e, em março, 5.910. Além disso, abril registrou o terceiro maior número de aberturas de toda a história da Jucerja.

– Queremos chegar ao fim deste ano com mais de 72 mil novas empresas abertas. Para isso, trabalhamos para facilitar a vida do empresário que quer ter um negócio no estado. Desburocratizamos, simplificamos e agilizamos os processos, o que impacta diretamente no tempo de abertura de uma empresa. Hoje, o empresário leva, em média, 40 minutos para ter o seu registro. Assim, vamos colaborando para o desenvolvimento econômico do estado. Quanto maior o número de empresas abertas, mais oportunidades de emprego para a sociedade e maior a geração de renda – afirmou o presidente da Jucerja, Sergio Romay.

Das empresas abertas em abril, 6.375 são referentes a constituições, 572 filiais e 88 inscrições de transferências. Todas as categorias significam a criação de novos negócios no estado. Entre os municípios que mais abriram empresas em 2024 estão o Rio de Janeiro, com 12.358; Niterói, com 1.706; Duque de Caxias, com 900; São Gonçalo, com 812; e Nova Iguaçu, com 648.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *