Coreia do Norte lança projétil em direção ao Japão, que ordena retirada de população do sul

O governo japonês emitiu um alerta de emergência nesta segunda-feira (27) para que os residentes de uma província do sul do país se protegessem de um possível míssil lançado em direção ao Japão pela Coreia do Norte.

Através de seu sistema de transmissão, autoridades pediram, por alto-falante, que a Coreia do Norte “parecia ter disparado um míssil”, e, por isso, moradores da província de Okinawa, no sul, deveriam buscar abrigo.

A Coreia do Sul disse também ter registrado o lançamento de um “projétil não identificado” norte-coreano.

“A Coreia do Norte disparou um projétil não identificado em direção ao sul” sobre o Mar Amarelo, que se estende entre a China e a península coreana, informou o Estado-Maior Conjunto da Coreia do Sul.

O governo norte-coreano não se pronunciou sobre o caso, mas disse ter lançado um satélite também nesta segunda que acabou explodindo no ar. As suspeitas são de que se trata de um satélite espião.

Depois de várias tentativas fracassadas, que terminaram com a queda dos foguetes, a Coreia do Norte colocou com sucesso seu primeiro satélite em órbita em novembro.

A Coreia do Norte notificou o Japão no início do dia de que planejava lançar um satélite.

O ministro da Defesa do Japão afirmou que as “provocações” da Coreia do Norte em épocas de lançamento de satélites são comuns e podem se repetir.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *