Acusado de manter socialite em cárcere privado, motorista presta depoimento

Amigos, parentes e a socialite, que mora no Edifício Chopin, dizem que José Marcos Chaves Ribeiro a mantinha isolada e controlava sua vida financeira. O motorista alega que os dois tinham um relacionamento amoroso.

José Marcos Chaves Ribeiro, o ex-motorista da socialite Regina Lemos Gonçalves, que o acusa de tê-la mantido em cárcere privado por 10 anos, presta depoimento nesta quinta-feira (16) na 12ª DP (Copacabana).

A socialite, parentes e amigos afirmam que recentemente la conseguiu fugir de uma situação de cárcere privado em que era mantida em seu próprio apartamento no Edifício Chopin, vizinho do Copacabana Palace.

Após a suposta fuga, Regina também obteve na Justiça uma medida protetiva no dia seguinte. José Marcos tem que ficar no mínimo 250 metros longe dela. Depois dessa medida judicial ela voltou ao apartamento no Chopin.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *