Umei São Januário deve ser entregue em maio pela Prefeitura de Niterói

A Prefeitura de Niterói está prestes a inaugurar mais uma unidade de educação infantil. Nesta terça-feira (09), a equipe da Secretaria Municipal de Educação visitou as obras da Umei São Januário, localizada no Fonseca, que tem previsão de ser inaugurada em maio. A nova unidade tem capacidade para 120 crianças.

O secretário municipal de Educação e presidente da Fundação Municipal de Educação, Bira Marques, acompanhou a vistoria das obras na Zona Norte de Niterói. A obra faz parte do plano de expansão da Educação de Niterói, que vai entregar cinco novas unidades em 2024, algumas delas ainda neste primeiro semestre. As intervenções no Fonseca seguem para a etapa final, com pintura interna e externa, revestimento e instalação de aparelhos de ar condicionado.

“Estamos investindo na construção de novas unidades para garantir que todas as crianças niteroienses tenham acesso à escola, com ensino público de qualidade. Agora em abril, finalizamos duas unidades, do Barreto e Jurujuba, enquanto em maio serão entregues as Umeis de São Januário e Ponta d’Areia. Estamos trabalhando intensamente para expandir e requalificar a nossa Rede”, explicou Bira Marques.

O prédio conta com três pavimentos e terá seis salas de aulas, sala de recursos, sala multiuso, cozinha, refeitório climatizado, parquinho, além de quadra coberta e jardim suspenso. A estrutura está adequada aos padrões de acessibilidade – com elevador e sanitários adaptados – e sustentabilidade, com sistema de energia solar e eficiência energética.

A Umei São Januário terá capacidade para atender 120 crianças e o investimento feito pela Prefeitura de Niterói é de aproximadamente R$ 3 milhões.

Ampliação de vagas – Niterói é uma das cidades que mais investiu na construção de escolas nos últimos 10 anos, período em que foram entregues 26 novas unidades. Atualmente, estão sendo construídas outras três Umeis: Ponta d’Areia (Centro), Jurujuba e Barreto, além da Escola Municipal Fagundes Varella, no Engenho do Mato.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *