MetrôRio recebe espetáculo gratuito: ‘Sítio do Picapau Amarelo – O Musical’, em homenagem ao mês de aniversário de Monteiro Lobato

O MetrôRio foi palco, nesta quinta-feira (18/04), de uma versão pocket do espetáculo “Sítio do Picapau Amarelo – O Musical”, que homenageia Monteiro Lobato. A montagem, em primeira mão, que aconteceu gratuitamente na estação Carioca/Centro, marca o mês de nascimento do escritor e editor brasileiro (18/04/1882), que foi um dos primeiros autores de literatura infantil do país e da América Latina.

 

A apresentação no sistema metroviário, que é um dos apoiadores do projeto social, contou com integrantes da Banda Sinfônica Juvenil Fluminense e do Coro Juvenil do Rio de Janeiro, que executarão clássicos como “Sítio do Picapau Amarelo” (Gilberto Gil), “SaciPererê” (Carlinhos Brown), “Tia Anastácia” (Dorival Caymmi), “Emília, a boneca gente” (Baby Consuelo), “Visconde” (Lenine), “Cuca” (Cássia Eller), entre outros.

 

O espetáculo, com regência dos maestros Vinícius Louzada e Davi Fernandes, é um convite para explorar o imaginário, as lendas e a cultura popular que permeiam a obra de Lobato, abrindo espaço para reflexões que nos fazem enxergar a nós mesmos refletidos como em um espelho. Monteiro Lobato estará presente, por meio de suas personagens transformadas em marcantes canções, muitas das quais se tornaram verdadeiros ícones da MPB, com composições de Gilberto Gil, Dorival Caymmi e outros talentosos músicos brasileiros que contribuíram para enriquecer essa jornada única.

 

“Sou apaixonado pela música, estou no projeto há nove anos. Essa apresentação no metrô foi uma oportunidade incrível para o grupo, afirma o jovem de 18 anos, que está cursando o primeiro período de música na UFRJ.

 

A Banda Sinfônica Juvenil Fluminense, que faz parte do programa sociocultural Geração de Sons, é patrocinada pela Nova Transportadora do Sudeste – NTS, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura, além da CAIXA e Governo Federal. O Geração de Sons no Centro do Rio de Janeiro e Morro da Providência é patrocinado pela Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro, Secretaria Municipal de Cultura e MetrôRio, por meio da Lei Municipal de Incentivo à Cultura – Lei do ISS.

 

O evento também teve patrocínio do Governo Federal, Ministério da Cultura, Governo do Estado do Rio de Janeiro, Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro, através da Lei Paulo Gustavo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *