22 de julho de 2024

TV Prefeito

Portal de notícias dos municípios com videos e entrevistas. Cobertura diária das cidades das regiões: Metropolitana, Serrana, Lagos, Norte, Noroeste, Médio Paraíba e Centro Sul do estado do Rio de Janeiro. O melhor da notícia está aqui.

Governo do Estado lança o Pacto Estadual pela Inclusão das Pessoas com Deficiência e inaugura Sala de Acomodação no Detran

 

Documento prevê ações que promovam políticas públicas inclusivas, como o novo espaço para pessoas autistas, que será replicado em outros municípios

 

 

Neste Dia Mundial do Orgulho Autista (18/06), o governador Cláudio Castro lançou uma iniciativa inédita no estado: o Pacto Estadual pela Inclusão das Pessoas com Deficiência. O documento, assinado em cerimônia no posto acessível do Detran.RJ, em São Cristóvão, na Zona Norte do Rio, tem como objetivo fomentar políticas públicas que promovam a inclusão e a garantia da igualdade de direitos. Como primeira ação do pacto, foi inaugurada uma Sala de Acomodação no local para atender pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA).

– Essa é uma luta de todos e uma causa pela qual tenho muito carinho. Nosso objetivo com o Pacto é a inclusão das pessoas com deficiência por meio de políticas públicas. Queremos garantir a igualdade e os direitos das pessoas com deficiência. Hoje celebramos a primeira etapa de um projeto-piloto, a Sala de Acomodação, que, em breve, levaremos para outros municípios. Essa é uma política permanente. Vamos continuar trabalhando para que essa causa saia da invisibilidade. Essa luta é de toda a sociedade. Ainda há muito a se fazer — ressaltou o governador Cláudio Castro.

O pacto conta com a participação de diferentes secretarias e órgãos e vai desenvolver ações, além da Sala de Acomodação, como a capacitação de servidores do Estado, o enfrentamento da violência contra mulheres com deficiência, a acessibilidade do aplicativo 190RJ para pessoas com deficiência visual, roteiro estadual do turismo acessível, entre outras iniciativas.

— Essa é uma nova fase para o Estado do Rio, um marco para a política pública de inclusão. Nosso objetivo é tornar o Rio um estado mais inclusivo, com oportunidades para todos. Hoje, tornamos oficial o Pacto Estadual para Inclusão das Pessoas com Deficiência, uma política transversal, que reúne um pacote de ações, como a Sala de Acomodação. Reafirmamos nosso compromisso e reforçamos nosso lema: todos em todos os espaços –  destacou Bianca Pacheco, subsecretária de Políticas Inclusivas.

Inclusão e acolhimento

A Sala de Acomodação do Detran.RJ funciona em um espaço cedido para a Fundação Leão XIII e oferecerá um ambiente para acomodar as necessidades sensoriais das pessoas com TEA, sejam crianças ou adultos. A iniciativa busca dar mais conforto aos autistas que aguardam a emissão de documentos e também diminuir a ansiedade enquanto esperam atendimento.

– Esse espaço é muito importante, pensamos em cada detalhe para que as famílias e pessoas com o Transtorno do Espectro Autista possam se sentir acolhidos. Todos os servidores serão capacitados para atender esse público da melhor maneira. Queremos realizar um trabalho com excelência — disse a primeira-dama e presidente de honra do RioSolidario, Analine Castro.

No novo espaço, os usuários terão à disposição fones protetores de ruído individuais, climatização da sala e iluminação controlada. A expectativa é expandir a iniciativa para outros municípios fluminenses.

– A ideia é levar a sala para outras unidades e regiões do estado. Essa é uma determinação do governador Cláudio Castro. A primeira unidade servirá como um grande laboratório para promover a inclusão e para que possamos levar mais dignidade às pessoas — afirmou o presidente do Detran.RJ, Glaucio Paz.

Na estreia, pais de crianças e jovens com autismo aprovam o espaço

Para familiares de crianças ou adultos autistas que buscam espaços mais inclusivos, a iniciativa sinaliza uma importante etapa de acolhimento. Bruno França de Assumpção, de 14 anos, foi a primeira pessoa com transtorno do espectro autista a fazer a carteira de identidade especial na nova sala de acomodação do posto do Detran.RJ. O menino gostou tanto do espaço que não queria mais ir embora. Ficou brincando com os bonecos, os carrinhos e os brinquedos interativos enquanto se acalmava para cada etapa do processo de identificação.

– Hoje, nosso primogênito tirou sua primeira identidade. Estamos felizes e impressionados com a sala inclusiva. O serviço está aprovado — comemorou Jefferson Tavares de Assumpção, pai de Bruno, ao lado da esposa, Raffaela França de Assumpção, que disse que fará um espaço parecido em casa.

Já Thaisa Guedes de Lima, mãe da pequena Maria Elisa Guedes, de 6 anos, saiu do posto com o Cartão da Pessoa com Deficiência. Este documento especial é emitido pelo Detran.RJ para as pessoas com transtorno do espectro autista e outras deficiências e contém a classificação da TEA, os remédios de uso contínuo e os contatos para casos de emergência.

– É muito importante essa iniciativa. Agora vamos poder levar nossos filhos sem passar por constrangimento. Aos pais de autistas, eu recomendo que eles venham ver de perto a sala — comentou Thaisa.

Para a assistente social e presidente da Fundação Leão XIII, Luciana Calaça, o atendimento especializado traz mais dignidade para as pessoas com deficiência.

-Estamos falando de políticas públicas, políticas inclusivas. Por muitas vezes lidamos até mesmo com a desistência pela falta da estrutura adequada. O objetivo principal é dar condições para o pleno atendimento das crianças com autismo. Essa documentação especial vai garantir, também, acesso a uma série de direitos – destacou Luciana.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *