Governador Cláudio Castro monitora e intensifica ações para identificar foco de contaminação por tolueno às margens dos rios Guapiaçu e Macacu

Equipes do Instituto Estadual do Ambiente já colheram mais de 170 amostras de água, em mais de 50 locais


O governador Cláudio Castro participou, na tarde desta segunda-feira (8/4), de uma reunião de trabalho, às margens do Rio Guapiaçu, para monitorar e intensificar as ações que buscam identificar o foco de contaminação por tolueno. Equipes do Instituto Estadual do Ambiente (Inea) já colheram mais de 170 amostras de água, em mais de 50 locais.

–  A área foi isolada. Isso evita que a água bruta com o poluente se aproxime da que será tratada. A água que está chegando na casa da população está apta para consumo, com zero poluente. Agora, nosso objetivo é identificar o foco de contaminação e punir os responsáveis – declarou o governador Cláudio Castro.

Ao longo dos rios Guapiaçu e Macacu está sendo realizada uma investigação confirmatória, a partir da coleta e análise do solo e da água, para auxiliar na definição do local exato do derramamento do poluente.

O monitoramento permanecerá contínuo, acompanhando as oscilações das concentrações de tolueno nos locais já identificados até o momento. Os pontos serão refinados, a fim de localizar com maior precisão o foco da contaminação, e o monitoramento será ampliado, com a finalidade de garantir a inexistência de outras áreas contaminadas.

Participaram da reunião os secretários do Ambiente, Bernardo Rossi, de Gabinete do Governador, Rodrigo Abel, e das Cidades, Douglas Ruas; além do presidente da Cedae, Agnaldo Ballon.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *