Enel Rio dá dicas de segurança para evitar acidentes com a rede elétrica durante as festas juninas

Fogos de artifício, bandeirinhas e fogueiras devem estar distantes da rede elétrica; Uso excessivo de benjamim e emendas malfeitas podem causar superaquecimento e curto-circuito.
 Nesta época do ano, é comum decorar casas, ruas e bairros para aproveitar as festas juninas. Preparar um ambiente para receber essa comemoração é uma tarefa que requer muitos cuidados, principalmente com a rede elétrica. Para evitar situações de riscos à população, a Enel Distribuição Rio traz algumas dicas de forma que todos possam aproveitar as festas com segurança. É importante estar sempre atento ao realizar essas atividades tanto na rua, como também dentro de casa. Além do grande potencial de risco que existe no contato entre objetos e a rede elétrica, ações como ligar vários equipamentos na mesma tomada pode causar sobrecarga e ligações de energia malfeitas também podem causar acidentes.
Veja abaixo as dicas sobre os cuidados com a rede elétrica para aproveitar os eventos do mês de junho com segurança:
  • Não pendure bandeirinhas na rede elétrica e não utilize os postes para fazer decorações;
  • Confeccione enfeites com materiais isolantes, como borracha, papel etc., evitando a condução de energia em eventual contato com a rede;
  • Não utilize bocais de lâmpadas como suporte para pendurar enfeites. Além de choques elétricos, essa prática pode provocar incêndios;
  • Respeite as distâncias de segurança da rede elétrica durante o manuseio de antenas de TV;
  • Contrate empresas habilitadas para realizar o aterramento elétrico de barraquinhas, palcos, arquibancadas e demais estruturas metálicas;
  • Evite o uso de benjamim, gambiarras e emendas malfeitas, que podem superaquecer e causar curto-circuito. Dê preferência aos filtros de linha, que são muito mais seguros;
  • Não solte fogos de artifício na direção dos postes e das redes de distribuição de energia. O uso desses artefatos é mais seguro se realizado em locais amplos e distantes da rede elétrica. É importante lembrar que apenas adultos podem manuseá-los, mantendo sempre uma distância de outras pessoas, além de verificar a procedência dos fogos e se certificar se foram comprados em lojas especializadas e autorizadas;
  • Não deixe cabos de energia soltos pelo chão. É necessário fazer o isolamento correto, assim como o de geradores, que devem ser manuseados por técnicos especializados por causa dos riscos elétricos e o associado ao combustível.
“Outro aspecto importante é redobrar a atenção com os balões. Além de ser crime ambiental, podem causar acidentes. Quando são soltos próximos à rede elétrica, o perigo é ainda maior, aumentando riscos de incêndios”, explica Fábio Damasceno, responsável pelo Centro de Operações da Enel Distribuição Rio.

A montagem de fogueiras também merece um cuidado especial. Nunca se deve acender fogo embaixo da rede elétrica, pois a proximidade do calor com os fios pode superaquecê-los, provocando um rompimento. É importante que elas sejam montadas em locais abertos e longe da rede elétrica. A concessionária alerta ainda que a população não deve tentar manusear qualquer componente da rede elétrica, como a fiação aérea. Somente técnicos da distribuidora, devidamente treinados para este trabalho com o uso de equipamentos de segurança, estão aptos a fazer qualquer intervenção na rede elétrica.

Em caso de acidente envolvendo a rede elétrica:
  • O local deve ser isolado para que não haja a aproximação de outras pessoas;
  • Não se deve retirar objetos que estejam em contato com fios até que um profissional qualificado esteja presente e assegure que a energia foi desligada;
  • Acionar imediatamente o Corpo de Bombeiros, por meio do número 193, e a Enel Distribuição Rio, pelo 0800 28 00 120.
Sobre a Enel Distribuição Rio  
A Enel Distribuição Rio atende 66 municípios do estado do Rio de Janeiro, abrangendo 73% do território estadual, com cobertura de uma área de 32.188 km². A Região Metropolitana de Niterói e São Gonçalo e os municípios de Itaboraí e Magé representam a maior concentração do total de 3 milhões de clientes atendidos pela companhia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *