Em jogo muito equilibrado, Brasil vence a Itália no tie-break na Liga das Nações Feminina de Vôlei

O Brasil segue com 100% de aproveitamento na Liga das Nações. Contra a Itália, neste sábado, a seleção verde e amarela até levou um susto ao ser dominada no segundo set e no terceiro set, mas retomou o controle da partida. O triunfo veio com placar de 3 sets a 2 – parciais de 26/24, 25/27, 18/25, 25/19 e 15/10 . Ana Cristina terminou como maior pontuadora brasileira, com 22 pontos.

Após a sétima vitória, o Brasil ocupa a segunda posição na Liga das Nações feminina, com 19 pontos. A liderança é da Polônia, que também tem 100% de aproveitamento e perdeu menos sets.

O próximo jogo do Brasil será contra a Tailândia. A partida contra a seleção asiática acontece neste domingo (02/6), às 5h, em Macau, na China. Todas as partidas do Brasil na Liga das Nações serão transmitidas ao vivo pelo sportv2 e terão acompanhamento em tempo real do ge.

Como foi o jogo 

O primeiro set foi bem disputado. Bem nas viradas de bola, o Brasil logo abriu vantagem e ainda se aproveitou de erros da equipe adversária. A Itália se recuperou e chegou a empatar. Mas a seleção se recuperou no momento decisivo e acabou vencendo por 26 a 24. Ana Cristina apareceu como o destaque brasileiro no ataque, com sete pontos.

O segundo set foi dominado pela Itália. O Brasil não conseguiu encaixar bons ataques, a levantadora Roberta passou a errar alguns lances e o time de José Roberto Guimarães acabou perdendo por 27 a 25. Ana Cristina sequer pontuou no segundo set. Destaque brasileiro ficou por conta de Rosamaria, que anotou nove pontos, sendo oito de ataque e um de bloqueio. Pelo lado da Itália, Paola Egonu já se apresentava como a melhor jogadora da partida. Apenas no segundo set, foram oito pontos.

O terceiro set ficou marcado por diversos erros da equipe brasileira. Paola Egonu continuou apresentando um jogo de alto nível e anotou nove pontos na parcial. Com justiça, a Itália levou o terceiro set por 25 a 18.

No quarto set, Ana Cristina voltou a atuar em alto nível, assim como o jogo da seleção. A ponteira anotou nove pontos e foi fundamental para a vitória do Brasil por 25 a 19 e deixando tudo igual.

No tie-break, Gabi, que já vinha crescendo durante a partida, atuou em grande nível. O bloqueio brasileiro também passou a funcionar melhor. Com Ana Cristina brilhando novamente, a seleção venceu por 15 a 10.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *