A defesa de uma infância segura e lúdica: Ação da campanha ‘Maio Laranja’ movimenta o CIEP da Fonte Santa

 

Manhã de quinta-feira, 16 de maio. “Esquecer é permitir; lembrar é combater”, dizia um cartaz em frente ao CIEP Professor Amaury Amaral dos Santos, no bairro Fonte Santa. Começava a ser realizada uma ação social da Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos (SMASDH), através do CRAS Fischer e do CRAS Volante Ermitage, como parte do “Maio Laranja – o Mês de Conscientização e Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes”. A ação também fez referência ao Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual Contra Crianças e Adolescentes, lembrado em 18 de maio.

A ação conjunta dos Centros de Referência de Assistência Social e do CIEP da Fonte Santa contou com a adesão expressiva da comunidade local. Em mobilizações divididas nos turnos da manhã e da tarde, as equipes enfatizaram com as crianças e seus familiares “a importância da denúncia para a prevenção e o enfrentamento desse comportamento criminoso que marca para sempre a infância e a adolescência das vítimas”, como declarou Mariza de Souza Ferreira, coordenadora do CRAS Fischer. E “o papel fundamental da família e da escola, educando e informando os jovens sobre os sinais de que algo errado está sendo cometido e como se defender do assédio de abusadores”, completou Andréa da Costa Braga, auxiliar de coordenação do equipamento. Afinal, a melhor forma de prevenir é informar. Sem pudores ou preconceitos.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *