2ª Semana da Juventude Empreendedora de Volta Redonda aproxima mais de 3 mil jovens do mercado do trabalho

A Feira Municipal de Empregabilidade e Renda encerrou com chave de ouro a 2ª Semana da Juventude Empreendedora de Volta Redonda. O evento da Coordenadoria Municipal da Juventude (CoordJuv) realizado nesta sexta-feira, dia 10, embaixo da Biblioteca Municipal Raul de Leoni, na Vila Santa Cecília, reuniu diversos atendimentos para facilitar a integração dos jovens às formas de trabalho.
A coordenadora da Juventude, Larissa Garcez, comemorou o sucesso da 2ª Semana da Juventude Empreendedora de Volta Redonda que contou com a participação de mais de 3 mil jovens.
“Encerramos a 2ª Semana da Juventude Empreendedora com mais de três mil atendimentos, dentre oficinas, visitas às empresas da região, rodas de conversas sobre empreendedorismo nas escolas e com esta super feira com a participação de diversos parceiros. Foi uma semana de impacto para os nossos jovens, impacto na educação da nossa cidade”, comemorou a coordenadora, que ainda anunciou mais uma novidade para os jovens da cidade.
“Fiquem ligados que tem edital saindo sobre mentoria para aqueles que se inspiraram em empreender e também com algumas oficinas sobre
empregabilidade da Coordenadoria da Juventude. Tudo vai estar no nosso portal e também nas redes sociais da Prefeitura (@prefeituravr)”, disse.
Suporte para os jovens
Durante a Feira de Empregabilidade e Renda, os jovens presentes tiveram a oportunidade de se inscrever em cursos de Economia Criativa da
Co.liga, realizados em parceria com a Coordenadoria da Juventude, e também para o vestibular de uma das três universidades que fazem parte do Consórcio Cederj, coordenado pela Fundação Cecierj, vinculada à Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação.
“Nós jovens, nos sentimos muito perdidos e é muito bom saber que temos uma prefeitura que se preocupa em sanar as nossas dúvidas, porque temos muitas. Só de ter este evento, com muitos cursos para poder ajudar no nosso futuro, acho que é um alívio saber que temos este suporte”, destacou Maria Júlia Alves Rodrigues, de 17 anos, aluna do Instituto de Educação Professor Manuel Marinho que se inscreveu no curso de Jovem Empreendedor da Co.liga.
Já Joyce Raylla, de 19 anos, também aluna do Instituto de Educação Professor Manuel Marinho, aproveitou o evento para se inscrever no
vestibular do Cederj para Pedagogia.
“É muito bom ter um evento com várias oportunidades em um só local, porque esta diversidade amplia o que podemos escolher. Às vezes temos dúvidas e aqui conseguimos ter acesso a todas opções e conseguir escolher o melhor para o nosso futuro”, ressaltou.
Entrada no mercado de trabalho
A CDL-VR (Câmara de Dirigentes Lojistas de Volta Redonda) e a CSN (Companhia Siderúrgica Nacional) marcaram presença no evento com stands captando currículos e orientando sobre a inserção no mercado de trabalho. Pedro Henrique Nascimento, de 17 anos, aluno do Ciep Profª Gloria Roussim, aproveitou para fazer o seu cadastro na CSN.
“Quero agradecer pela oportunidade de estar aqui, porque faço técnico em empreendedorismo lá no Ciep e ter esta feira aqui é uma grande
oportunidade de aprendermos ainda mais. E a importância disso para mim é altamente significante, porque além de trazer conteúdo para a gente, nos acende profissionalmente”, afirmou.
A Feira Municipal de Empregabilidade e Renda contou ainda com a participação das secretarias municipais de Assistência Social (Smas),
que ofereceu serviços dos cursos de Inclusão Produtiva, de Políticas para Mulheres e Direitos Humanos (SMDH), de Cultura (SMC) e de
Desenvolvimento Econômico e Turismo (SMDET), por meio da Casa do Empreendedor; da Fundação Beatriz Gama (FBG); do Centro Universitário de Volta Redonda (UniFOA); do Sebrae-RJ (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Rio de Janeiro) e do CIEE (Centro de Integração Empresa Escola). A parte musical ficou por conta do grupo Tambores do Aço, da Fundação CSN.
Semana de muito aprendizado
Durante a 2ª Semana da Juventude Empreendedora, os jovens de Volta Redonda participaram de oficinas nas escolas, nos Centro de Referênciade Assistência Social (Cras) do município, no espaço Vírgula Hub de Inovação, no Shopping Park Sul, e na Fundação CSN, na Vila Santa Cecília. Os adolescentes, matriculados no Ensino Médio das escolas públicas da cidade, também visitaram empresas da região, com o apoio da CDL-VR, além de terem acesso a lançamentos de editais de mentorias.
Café com RH
A última atividade da 2ª Semana da Juventude Empreendedora de Volta Redonda foi o “Café com RH”, também nesta sexta-feira, dia 10, às 17h, no auditório da Secretaria Municipal de Cultura (SMC), na Biblioteca Municipal Raul de Leoni. O bate-papo com o time da CSN visa aproximar o público feminino de oportunidades na indústria.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *