Residência terapêutica será reinaugurada em Mesquita

Saúde mental é assunto sério e demanda muito cuidado. Em Mesquita, porém, o investimento em equipamentos e projetos que assegurem tratamentos psicológicos e psiquiátricos aos munícipes é evidente. Atualmente, acontecem os preparativos finais para a inauguração das novas instalações da residência terapêutica localizada na Coreia. Pronta para acolher pessoas portadoras de transtornos mentais graves, a casa terá espaço para receber cinco mesquitenses que passaram por um longo período de internação psiquiátrica e, por algum motivo, estão impossibilitados de retornar às suas famílias de origem.

 

Totalmente reformada, a nova residência terapêutica contará com quintal, sala de estar, cozinha, varanda, banheiro e quatro quartos, sendo três deles destinados aos pacientes e um para os cuidadores. Dois destes dormitórios são suítes e todos estão climatizados. A parte dos fundos, além da área de serviços, possui espaço de lazer com churrasqueira, chuveirão e canteiros de horta. Essa área será fundamental para a realização de atividades recreativas e ao ar livre, em contato com a natureza, aproveitando o fato de o local ser cercado por árvores de diferentes espécies.

 

Já no trabalho diário na unidade, a atuação ficará por conta de três profissionais. Dois cuidadores irão revezar para abranger as 24h de cuidado, sendo acompanhados por um diarista. “Vale lembrar que a unidade já funcionava na Rua Antônio Rodrigues de Oliveira 708, na Coreia. Porém, devido à estrutura antiga, teve de ser completamente reformada e revitalizada. E, também, para oferecer mais comodidade e segurança aos moradores, com os cômodos climatizados e câmeras de monitoramento”, explica Márcia Cristina Bezerra, coordenadora de Saúde Mental de Mesquita. Ela ainda destaca a importância da implementação de uma pequena garagem e um portão de acesso para veículos, justamente para auxiliar no transporte dos pacientes para atividades externas e na entrada de carros do SAMU, em casos de emergência.

 

Enquanto a unidade esteve em obras, os pacientes não ficaram desamparados. Eles eram auxiliados no endereço provisório, localizado na Rua Hipólito 847, na Vila Emil. É importante frisar que a cidade também tem uma outra unidade de residência terapêutica, localizada na Jacutinga. Dessa forma, é possível oferecer uma organização ainda melhor no acompanhamento dos mesquitenses pelos profissionais.

 

Outros cuidados

Além das residências terapêuticas, Mesquita se destaca por outros investimentos na área dos cuidados com a mente. Na cidade, a população encontra três centros de Atendimento Psicossocial. “O CAPS III Casa Azul presta atendimento 24 horas a pessoas que possuem esquizofrenia, depressão grave, transtorno de ansiedade grave e outros problemas de saúde mental. Já o CAPS AD atende pessoas com problemas com dependência química e alcoólica, enquanto o CAPSi recebe crianças e adolescentes com transtorno mental grave e persistente”, lista o secretário municipal de Saúde, Dr. Emerson Trindade.

 

Para mais, o município oferta atendimentos psicológicos no Ambulatório de Saúde Mental Danilo Davi Santos Silva para pacientes com sofrimentos psíquicos leves e moderados. O equipamento funciona provisoriamente no Banco de Areia, na Rua Bicuíba 418. No entanto, para serem auxiliados, os munícipes devem passar, primeiro, por uma avaliação da atenção primária, nas clínicas da família. Os atendimentos são destinados a todas as faixas etárias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *