25 de julho de 2024

TV Prefeito

Portal de notícias dos municípios com videos e entrevistas. Cobertura diária das cidades das regiões: Metropolitana, Serrana, Lagos, Norte, Noroeste, Médio Paraíba e Centro Sul do estado do Rio de Janeiro. O melhor da notícia está aqui.

Prefeitura do Rio e Universidade de Columbia lançam centro de pesquisas e conexões sobre mudanças climáticas, sediado no Brasil

Foi lançado nesta terça-feira (14/03), no Museu do Amanhã, o Climate Hub Rio, um centro de pesquisa e inovação sobre mudanças climáticas sediado no Brasil. A iniciativa é uma ação conjunta da Prefeitura do Rio de Janeiro e da Universidade de Columbia, por meio do Columbia Global Center Rio. O Climate Hub Rio é um polo de conhecimento, pesquisa e inovação, que reunirá especialistas brasileiros, da Universidade de Columbia e do mundo, em um ambiente propício para cientistas e outros pesquisadores trabalharem em questões climáticas globais enquanto se beneficiam de uma importante perspectiva regional. O centro é patrocinado pela Prefeitura do Rio e possibilitará colaboração e divulgação mais efetiva entre líderes locais, no Brasil, e a comunidade científica global.

– O Rio tem uma vocação natural e um desejo de ser uma cidade referência no enfrentamento e na forma de lidar com a questão das mudanças climáticas. A cidade tem uma geografia que apresenta muitos desafios. Essa parceria patrocinada pela Prefeitura com a Columbia, uma das maiores universidades do mundo, pretende fazer do Rio o centro das discussões e também ser destaque na implantação de soluções que possam ser replicadas mundo afora – afirmou o prefeito Eduardo Paes.

O evento de lançamento do Climate Hub contou com a participação de diversas autoridades brasileiras e estrangeiras nas áreas de clima, meio ambiente, direitos humanos, políticas públicas, tecnologia e inovação.

Participaram dos painéis e debates o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes; o secretário municipal da Casa Civil, Eduardo Cavaliere; o assessor especial da Presidência da República e ex-ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim; Alex Halliday, reitor da Escola do Clima da Universidade de Columbia; Thomas Trebat, diretor do Columbia Global Center Rio; Dra. Wafaa El-Sadr, vice-presidente executiva da Columbia Global; e Daniel Zarrilli, conselheiro especial para clima e sustentabilidade na Universidade de Columbia e ex-conselheiro chefe de políticas climáticas da prefeitura de Nova York.

Por questões de saúde, a ministra do Meio Ambiente e Mudança do Clima, Marina Silva, não pôde estar presente. Ela foi representada pela secretária nacional de Mudança do Clima, Ana Toni, que participou por vídeo.

O Columbia Global Center Rio completa uma década de atuação neste ano e faz parte de uma rede de dez centros globais da Universidade de Columbia, uma das principais instituições acadêmicas do mundo. Os centros servem como espaços de conhecimento, que visam educar e inspirar por meio de pesquisa, diálogo e ação. Eles promovem a compreensão, facilitam parcerias e constroem as pontes necessárias para este mundo em mudança.

– Inaugurar um centro de pesquisas sobre mudanças climáticas em uma cidade como o Rio é não somente estratégico, mas fundamental para o nosso presente e o futuro. Esperamos colaborar e aprender com as comunidades científicas e acadêmicas brasileiras, para construirmos juntos as soluções para urgências climáticas das comunidades locais e globais – ressaltou Thomas Trebat, diretor do Columbia Global Center Rio.

O Climate Hub Rio oferecerá bolsas de estudos e oportunidades de ensino, pesquisa e extensão para pesquisadores e cientistas brasileiros, além de apoio para desenvolvimento de projetos no país e também na Universidade de Columbia. O objetivo do centro é promover uma cooperação mais ampla da comunidade acadêmica da Universidade de Columbia com o Brasil, além de possibilitar colaboração para políticas públicas mais efetivas, engajando líderes brasileiros e a comunidade científica global.

– O Rio de Janeiro, em sua história, é vanguarda da ação climática local de impacto global. A parceria com a Columbia reforça e relança o Rio como cidade que posiciona o Brasil em matéria climática. Casa da Rio 92, nossa cidade reúne os desafios e soluções em adaptação e resiliência às mudanças climáticas e eventos extremos. Por meio de pesquisas de ponta, atividades de extensão e cooperação técnica, o Rio – via Columbia Global Center – irá receber a primeira iniciativa internacional da primeira escola de clima do mundo. Os resultados impactarão gerações de cariocas. Estamos entusiasmados com os ganhos para políticas públicas climáticas em áreas como saúde, transporte e educação – afirmou o secretário municipal da Casa Civil, Eduardo Cavaliere.

Do ensino à ação: Climate Hub terá quatro modelos de atividades principais

O Climate Hub será organizado em torno de quatro atividades principais:

Ensino: participação do corpo docente de Columbia em programas educacionais a serem desenvolvidos no Hub.

Convocação: desenvolvimento e organização de eventos e programação em torno de questões diversas relacionadas ao clima, incluindo transição energética, uso da terra e equidade climática.

Rede: criação de conexões entre talentos acadêmicos, com o objetivo de promoção de pesquisas e, sobretudo, ampliar a divulgação fora do Brasil do trabalho e resultados desenvolvidos pelo Hub e instituições de ensino parceiras.

Ação: promover impacto concreto nas ações de política climática localmente no Rio de Janeiro, nacionalmente no Brasil e globalmente por meio da rede da Universidade de Columbia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *