Grávida é presa suspeita de integrar quadrilha que rouba casas de alto padrão no RJ

Uma mulher, que estava foragida da Justiça, foi presa por agentes da 93ª DP (Volta Redonda) na segunda-feira. Gilmara Sodré Alves Pereira, de 23 anos, é suspeita de integrar uma quadrilha especializada em roubos a residências de alto padrão no bairro Laranjal, no município de Volta Redonda, no interior do Rio. Apenas ela não havia sido detida numa operação contra o grupo, deflagrada em 8 de junho. Contra ela havia um mandado de prisão preventiva pelos crimes de roubo, extorsão e constituição de milícia privada.

Segundo as investigações, os criminosos se dividiam e rendiam os moradores em casas que eram alvos da quadrilha. As vítimas eram, geralmente, mulheres e pessoas idosas. No local, com uso de violência, o grupo exigia que fossem informadas as senhas de cartões bancários.

Enquanto alguns integrantes da quadrilha permanecia com as vítimas, outros deixavam a residência em busca de realizar compras no cartão da vítima.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *