13 de julho de 2024

TV Prefeito

Portal de notícias dos municípios com videos e entrevistas. Cobertura diária das cidades das regiões: Metropolitana, Serrana, Lagos, Norte, Noroeste, Médio Paraíba e Centro Sul do estado do Rio de Janeiro. O melhor da notícia está aqui.

Em Milão, vice-governador fala sobre a força do empreendedorismo na geração de negócios e no crescimento econômico do Estado do Rio

Thiago Pampolha se reuniu com cerca de 200 empresários e autoridades europeias e brasileiras nesta quinta-feira (07/09), na Conferência Lide Brazil

O empreendedorismo como ferramenta para alavancar a criação de negócios e o desenvolvimento do Estado do Rio de Janeiro foi ressaltada, nesta quinta-feira (07/09), pelo vice-governador e secretário do Ambiente, Thiago Pampolha, na Conferência Lide Brazil, em Milão. No evento, o vice-governador detalhou a diversificação da economia fluminense para cerca de 200 autoridades e empresários europeus e brasileiros.

– Projetos e ações desenvolvidas pelo Estado têm incentivado o  empreendedorismo e novos modelos de negócios, que se transformam em emprego e renda, a mais importante política pública que um governo pode implementar. Estamos sempre buscando mais investimentos, promovendo os atrativos do Rio em grandes eventos internacionais. Os resultados aparecem em forma de números: hoje, temos mais de R$ 100 bilhões em negócios privados e públicos – destacou o vice-governador.

A retomada econômica do Rio de Janeiro é fruto da valorização das vocações regionais e do fortalecimento das cadeias produtivas, garantindo o alto índice de empregabilidade e o significativo número de empresas abertas ao longo dos últimos anos. Atualmente, são mais de 1,7 milhão  de negócios ativos. Além disso, o governo criou um planejamento estratégico para os próximos 40 anos, com foco nas necessidades da população em diversas áreas para identificar as peculiaridades sociais e econômicas de cada região.

– Apenas em 2022, registramos mais de 195 mil novos empreendimentos, recorde histórico. Entre janeiro e agosto deste ano, já foram abertas 48 mil empresas. E sem burocracia, diminuindo o tempo de abertura de negócios de 30 dias para até 2h. Esses novos negócios resultaram em mais de 195 mil empregos no ano passado, e em 74 mil nos primeiros seis meses de 2023. É a movimentação da economia assegurando melhorias em todas as áreas e uma vida melhor para a população – explicou.

Incentivos fiscais

O incentivo fiscal é outra política adotada pelo Governo do Rio para captar investimentos em diversos setores. Uma análise, feita no primeiro semestre de 2023,  mostra que empresas interessadas em atuar no estado podem gerar cerca de R$ 9 bilhões e 8 mil empregos diretos nos próximos cinco anos.

Também participaram da Conferência Lide Brazil-Milão os secretários da Casa Civil, Nicola Miccione, de Energia e Economia do Mar, Hugo Leal, e de Desenvolvimento Econômico, Vinicius Farah; além do subsecretário de Comunicação Social, Igor Marques, e o presidente da Cedae, Aguinaldo Ballon.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *