Aegea Saneamento registra lucro líquido societário de R$ 1,4 bilhão em 2023, um aumento de R$ 934,4 milhões em relação ao ano anterior

 

Companhia privada líder no setor fechou o período com EBITDA Proforma de R$ 6,3 bilhões em 2023, aumento de 77,3% em relação ao ano anterior

Outros destaques 2023

  • Receita Líquida Proforma do Ecossistema Aegea (incluindo Águas do Rio) atinge R$ 14,3 bilhões, um crescimento de 71% em relação a 2022;
  • Em novembro de 2023, a Aegea ganhou os leilões para o fornecimento de água e esgoto em Jaru (RO) e em Governador Valadares (MG), beneficiando 300 mil pessoas nos dois municípios;
  • Em janeiro de 2024, a Companhia deu início nas operações da Ambiental Paraná, uma Parceria Público-Privada para a prestação de serviços de esgotamento sanitário em 16 municípios do estado, beneficiando mais de 600 mil pessoas;

 

São Paulo, 14 de março de 2024 – A Aegea Saneamento registrou receita líquida proforma de R$ 14,3 bilhões em 2023, aumento de 71% em relação ao ano anterior. O EBITDA Proforma no período atingiu R$ 6,3 bilhões, um crescimento de 77% em comparação a 2022.

Em 2023, a Aegea expandiu sua atuação para mais de 500 municípios, atuando em 14 Estados do país e beneficiando mais de 31 milhões de pessoas, ou cerca de 15% da população brasileira. Esses resultados foram obtidos pelo início das operações da Companhia nas concessões de água e esgoto da CORSAN (Companhia Riograndense de Saneamento), no Rio Grande do Sul, e da PPP Ambiental Ceará.

Em janeiro de 2024, a Companhia iniciou suas operações na Ambiental Paraná, PPP dos serviços de esgotamento sanitário em 16 municípios e população de mais de 600 mil habitantes. No decorrer do ano, a empresa iniciará também as operações de água e esgoto em Governador Valadares, em Minas Gerais, atendendo 250 mil pessoas, e a operação de Jaru, em Rondônia, que deverá beneficiar 50 mil pessoas, sendo o quinto município de atuação da Companhia no Estado.

Em 2023 a Aegea investiu, por meio do seu ecossistema de concessões, R$ 4,6 bilhões, um aumento de R$ 2,7 bilhões na comparação com o ano anterior.

“Nos últimos anos, a Aegea tornou-se uma plataforma de investimentos no setor de saneamento, atraindo capital de forma estruturada para suportar a expansão de negócios. Os resultados que entregamos em 2023 demonstram a forma como atuamos, com crescimento sustentável, solidez financeira e investimentos responsáveis. As novas operações iniciadas e previstas para 2024 demonstram nossos objetivos para o ano, de seguir evoluindo e melhorando a performance em nossas operações, e executando os investimentos necessários para a universalização do saneamento nas regiões em que atuamos”, afirma André Pires, CFO da Aegea.

Os investimentos realizados pela Aegea no último ano resultaram em impactos positivos para o meio ambiente. No ano de 2023, a Aegea promoveu, através do programa de redução de perdas de água, uma economia de 15 bilhões de litros de água, volume suficiente para abastecer cerca de 300 mil pessoas em um ano. Atualmente, 98% do consumo de energia da Aegea é gerado por fontes renováveis e em 2023, a Companhia assinou contratos de fornecimento exclusivo de energia 100% renovável em modelo de autoprodução por meio de uma planta eólica na Bahia e uma solar em Minas Gerais.

Ainda no pilar Ambiental, com o objetivo de ampliar a resiliência hídricas nas operações, a Aegea manteve iniciativas de reflorestamento e de recuperação de bacias, renovando a parceria com o WWF-Brasil para a recuperação de 50 hectares de áreas degradadas por meio da restauração nativa do Cerrado, além da reabilitação cerca de 10 mil hectares de pastagens degradadas na região. A empresa também avançou no programa Floresta Viva, em parceria com o BNDES, que prevê recuperação de 50 hectares de áreas degradadas na região do Pantanal e 140 hectares no Rio de Janeiro, com foco na preservação de bacias estratégicas para o abastecimento de água da população.

Do ponto de vista de inclusão sanitária, a Aegea segue focada em garantir a acessibilidade dos serviços de saneamento para todos. Em 2023, cerca de 1,7 milhão de pessoas foram beneficiadas com a Tarifa Social, que concede descontos de cerca de 50% na fatura para famílias de baixa renda. A Companhia inovou ao implementar a Tarifa 10 em Manaus, levando água e esgoto tratados para a população carente manauara em cobrança unificada por R$ 10 ao mês. Para muitas destas famílias, o benefício representa não somente o acesso ao serviço, mas também o primeiro comprovante de residência.

Fortalecendo os compromissos ESG, a confiança do mercado financeiro no modelo de negócios foi evidenciada pelas importantes captações de financiamentos de longo prazo, através da emissão de debêntures no mercado local e de emissão de bonds no mercado externo, totalizando R$ 18 bilhões no ano de 2023. Dessas captações, R$ 10,6 bilhões obtiveram selos e certificações de sustentabilidade dados os impactos positivos dos investimentos para o meio ambiente e sociedade.

¹ inclui os resultados da coligada Águas do Rio, que não é consolidada nas Demonstrações Financeiras da Aegea.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *