Vacina: nascida durante a gripe espanhola, idosa centenária recebe 1ª dose contra Covid-19 na Gávea

Zuleide Souza de Lima, de 101 anos, é vacinada contra Covid-19 na Gávea

Nascida em 1919, durante a gripe espanhola — que matou cerca de 50 milhões de pessoas pelo mundo entre 1918 e 1920 —, a jornalista Zuleide Souza de Lima, 101 anos, foi a primeira a ser vacinada contra a Covid-19 no Centro Municipal de Saúde Píndaro de Carvalho Rodrigues, na Gávea, na Zona Sul do Rio, na manhã desta segunda-feira. Dona Zuleide, que já contou a história de muitas pessoas, durante sua trajetória profissional, agora se vê fazendo parte de uma. Nesta segunda, de acordo com o calendário da nova etapa de vacinação, estão sendo imunizadas no estado do Rio pessoas com 99 anos ou mais.

— A pessoa vacinada tem uma segurança, não é mesmo? Vi muita coisa na minha vida e agora estou vivendo esse momento. Momento histórico e importante para todos nós — comemorou Zuleide.

Muito alegre e ativa, a aposentada que mora no Leblon e tem uma filha, três netos e 12 bisnetos e que no próximo mês de março completa 102 anos, tem bom humor.

— Eu pareço com essa idade? Não, né? Olha, eu já trabalhei no Jornal O GLOBO e lembro das coberturas de vacinação que fizemos. Agora, estamos vivendo nessa pandemia e peço que as pessoas se vacinem. É uma coisa real (a pandemia) e que todos tem que tomar a vacina. Estou aliviada com esse cuidado — contou Zuleide que estava acompanhada de uma cuidadora e de uma fisioterapeuta.

Fundador de uma rede de saúde, o empresário Milton Soldani Afonso, de 99 anos, foi o segundo a receber a dose.

O idoso foi infectado pela Covid-19 em agosto e ficou em estado gravíssimo no CTI de um hospital particular de Copacabana. Hoje, ao ser vacinado, Afonso, que tem quatro filhos, 12 netos e quatro bisnetos, celebrou:

— Deus tem me abençoado muito (e consegui me curar). Mais um vez eu venci uma barreira, pois a vida é uma luta. Hoje, estou vacinado. Vi a Primeira e a Segunda Guerra e agora essa pandemia. A vacina era um sonho, um sonho triste.

A Secretaria municipal de Saúde (SMS) prevê imunizar 220 mil pessoas, acima de 80 anos, em fevereiro. Na terça-feira, será a vez dos idosos com 98, e assim, sucessivamente, até sexta, com pessoas de 95.

TEM RESPESCAGEM

Aos sábados, haverá uma segunda chance para quem perdeu a data marcada.

O QUE LEVAR NO DIA?

Para serem imunizados, os idosos precisarão apresentar documento com foto — quem tiver carteira de vacinação também deve levar.

ONDE SE VACINAR?

As 232 unidades básicas da prefeitura vão aplicar as doses, das 8h às 17h. Para saber o local mais perto de sua casa, entre no site subpav.org/ondeseratendido/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: