União Europeia deve liberar entrada de viajantes do Japão

Imagem de 2016 mostra turistas tirando fotos perto do museu do Louvre, em Paris, na França — Foto: Philippe Wojazer/Reuters

A União Europeia deve permitir que todos os viajantes do Japão, e não apenas os que viajam por motivo essencial, entrem nos países do bloco.

Na quarta-feira (2), os 27 embaixadores dos países que compõem o bloco vão votar para decidir se aprovam a entrada dos viajantes com origem no Japão.

Os viajantes do Reino Unido ainda não poderão entrar —há receio com a variante do coronavírus que foi inicialmente detectada na Índia, e que foi encontrada no Reino Unido posteriormente.

Atualmente, a União Europeia está aberta a viajantes de sete países que não compõem o bloco (entre eles estão Israel, Austrália e Singapura), independentemente do motivo pelo qual a pessoa viaja.

Essa é a regra geral para o bloco, mas cada país pode estabelecer suas regras, como exigir um período de quarentena ou testes de Covid-19 dos viajantes.

No mês passado, a União Europeia permitiu um relaxamento das regras —passou a aceitar países com um índice de casos por habitantes de 25 por 100 mil (antes, o número era de 75).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: