Um ano sem Kobe: as muitas formas de dizer adeus

A dor, aos poucos, abriu espaço para a reverência. A partida brusca de Kobe Bryant fez com que o adeus prematuro de milhões de fãs ganhasse ares de urgência e saudade. Em todo o mundo, as homenagens a um dos maiores nomes da NBA ignoraram os limites das quadras, tomaram as ruas e invadiram outros esportes. O legado de Kobe passou a ocupar muros, placas e qualquer objeto que fosse capaz de simbolizar sua importância atemporal. Hoje, um ano após sua morte, o ge separou alguns dos mais bonitos tributos durante esse tempo ao ídolo do basquete.

O ADEUS EM LOS ANGELES

Quadra do Staples Center tomada pela homenagem a Kobe - Getty Images
Quadra do Staples Center tomada pela homenagem a Kobe – Getty Images

No início de fevereiro de 2020, o mundo ainda não havia sido tomado por completo pelo coronavírus. Ainda imune à pandemia, Los Angeles reuniu milhares de fãs em um adeus emocionado no Staples Center. Em quadra, os Lakers enfrentariam o Portland Trail Blazers, mas o jogo era o que menos importava. Em uma noite de reverência a um dos maiores ídolos da franquia, torcedores tomaram as ruas em volta da arena e passaram o dia em uma espécie de comunhão em homenagem a Kobe.

Assim que as luzes se apagaram, a torcida gritou “MVP”, e em seguida, o cantor Usher se apresentou no centro da quadra, ao lado dos números 8 e 24. No telão, foram exibidas imagens de jogadores comovidos com notícia da morte de Kobe e esportistas que homenagearam Kobe de diversas maneiras ao redor do mundo.

Milhares de torcedores tomaram as ruas no entorno do Staples Center - Reuters
Milhares de torcedores tomaram as ruas no entorno do Staples Center – Reuters

Os nomes dos nove mortes na tragédia foram exibidos e as camisa 8 e 24 foram destacadas por refletores no alto do ginásio. Sob o som de um violino, ecoou a narração de Kobe Bryant. Foram palavras sobre superação, trabalho duro, dedicação e tudo aquilo que cerca a tão falada filosofia “Mamba Mentality”. Por fim, foi respeitado não um minuto de silêncio, mas 24.2 segundos em alusão às camisas de Kobe e Gianna, sua filha.

Em um dos momentos mais emocionantes da noite, LeBron James foi chamado ao centro da quadra. O principal astro da franquia na atualidade leu os nomes de cada um dos nove mortos e discursou. Entre as palavras de LeBron, algumas levantaram o público: “Estamos todos feridos, estamos todos de coração partido (…) Vejo isso como uma celebração de 20 anos de sangue, suor e lágrimas. (…) Nas palavras de Kobe, ‘Mamba Out’, mas para nós, jamais esquecido”.

LeBron James fez discurso emocionado para celebrar Kobe - Divulgação
LeBron James fez discurso emocionado para celebrar Kobe – Divulgação

COMO O MUNDO DO ESPORTE SENTIU A TRÁGICA PERDA

Diante da morte de um ídolo universal, não foi apenas o basquete que sentiu a perda de Kobe Bryant. Em toda a parte, homenagens ao astro ignoraram as linhas das quadras e chegaram ao futebol, ao beisebol e à Fórmula 1, entre tantos outros. Neymar, por exemplo, relembrou momentos com Kobe, muito ligado ao futebol brasileiro.

Em quase dois minutos de vídeo, Neymar relembra uma visita de Kobe a um treino do PSG, com direito a embaixadinhas do astro dos Lakers; relembra conversas e interações em bastidores de gravações; e também rememora a animação “Dear Basketball”, que deu a Kobe Bryant um Oscar.

Na Fórmula 1, foram vários os posts nas redes sociais em homenagem a Kobe. Entre eles, Lewis Hamilton. Daniel Ricciardo foi além e homenageou o ídolo com a pintura de seu capacete.

Ricciardo homenageou Kobe com a pintura de seu capacete - Reprodução
Ricciardo homenageou Kobe com a pintura de seu capacete – Reprodução

Em todo o mundo, partidas dos mais diferentes esportes tiveram minutos de silêncio em homenagem a Kobe. No UFC, novos posts em redes sociais. No boxe, já no fim do ano passado, na luta que marcou a volta de Mike Tyson aos ringues, Roy Jones Jr. usou luvas em tributo a Kobe.

MURAIS REVERENCIAM KOBE AO REDOR DO MUNDO

Durante o ano sem Kobe, a imagem do ídolo se espalhou por diversos muros em todo o mundo. As ruas de Los Angeles logo se tornaram uma espécie de memória viva em nome do astro. Mas as homenagens não ficaram restritas à cidade. Os murais ganharam as paredes de outros locais nos Estados Unidos e ao redor do mundo. Até mesmo em uma escola na Bósnia, em um dos maiores feitos em tributo a Kobe.

Mural em homenagem a Kobe Bryant foi pintado na Bósnia - Reprodução
Mural em homenagem a Kobe Bryant foi pintado na Bósnia – Reprodução

Nas Filipinas, uma imensa foto de Kobe e Gigi foi pintada no chão de uma favela na capital, Manilla. A idolatria ao craque se espalhou pelo mundo, sem restrições a quem ou onde.

Chão em Manilla foi pintado com uma imensa foto de Kobe Bryant e Gigi - Getty Images
Chão em Manilla foi pintado com uma imensa foto de Kobe Bryant e Gigi – Getty Images

Há um site especializado em contabilizar o número de murais em homenagem a Kobe espalhados pelo mundo. De acordo com o “Kobemural.com”, já são 437. A Califórnia conta com 247 dos 325 murais feitos nos Estados Unidos. Outros 30 países contam com 120 murais em homenagem ao astro.

Viúva de Kobe, Vanessa Bryant publicou murais em homenagem ao astro e à filha, Gigi - Reprodução

KOBE BRYANT VIROU NOME DE RUA E RECEBEU DIA EM HOMENAGEM

Kobe, como era de se esperar, também virou nome de rua. A Rua Figueroa, em Los Angeles, passou a se chamar Kobe Bryant Boulevard. A rua fica próxima ao Staples Center, casa dos Lakers, onde Kobe jogou por quase 20 anos e vestiu as camisas 24 e 8 – ambas aposentadas pela franquia amarela e roxa.

– O legado de Kobe é maior do que o basquete. A rua Kobe Bryant vai ser um lembrete para todos, jovens ou velhos, quem dirigir por lá, que não há obstáculo grande o bastante e que, com a mentalidade de Mamba, tudo é possível – disse o presidente do Conselho Municipal da cidade.

Kobe Bryant passou a dar nome a uma rua em Los Angeles - Reprodução

Além disso, o dia 24 de agosto foi declarado oficialmente o Dia do Kobe Bryant em Orange County, condado da Califórnia. Kobe morou no local durante grande parte de sua carreira, inclusive após sua aposentadoria. A decisão foi tomada pelo conselho supervisor do condado, que aprovou por unanimidade o decreto. A escolha da data (24/8) foi por conta dos números usados pelo jogador em sua carreira.

O ADEUS DE AMIGOS

Alguns dos melhores amigos de Kobe também fizeram homenagens ao ídolo durante o ano de luto. Shaquille O’Neal, ex-parceiro de Kobe nos Lakers, criou um santuário em tributo ao amigo. Pau Gasol, uma de suas melhores duplas na franquia, homenageou o amigo e sua família ao dar o nome de Gianna, a Gigi, filha do astro e também falecida no acidente de avião, à sua própria filha: Elisabet Gianna Gasol.

Rival de Kobe durante boa parte de sua carreira, LeBron James também se tornou um grande amigo do astro fora das quadras. Após a morte do astro, o atual ídolo dos Lakers marcou em sua própria pele a saudade. A tatuagem, um desenho de uma mamba negra com os números 8 e 24, foi feita na coxa esquerda. Logo abaixo do desenho, LeBron também tatuou a frase “Mamba para sempre”.

LeBron James fez uma tatuagem em homenagem ao amigo Kobe Bryant - Reprodução

ALL-STAR GAME 2020 FOI MARCADO POR HOMENAGENS A KOBE BRYANT

O All-Star Game da última temporada também mudou de formato para homenagear o astro, com alusões ao número 24 da camisa de Kobe nas regras da disputa. O troféu de melhor da noite, dado a Kawhi Leonatrd, também recebeu o nome do ídolo dos Lakers.

Kobe foi homenageado e deu nome ao troféu do All-Star - Reprodução

LOS ANGELES LAKERS DEDICAM SEU 17º TÍTULO A KOBE BRYANT

Após um jejum de dez anos sem um título na NBA, os Lakers fizeram uma campanha quase perfeita na última temporada. No último jogo, vestiram a camisa preta em homenagem a Kobe e dedicaram o título a um de seus maiores astros. LeBron, que hoje ocupa o lugar que já foi de Kobe no time, liderou a franquia inspirado no amigo e homenageou o ídolo na conquista.

A festa dos Lakers após o título e a homenagem aKobe - Getty Images

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: