Ucrânia: Míssil mata 6 civis em cidade ocupada por separatistas dias antes de referendo

Ao menos seis civis, entre eles um adolescente, foram mortos em um ataque com míssil na cidade de Donetsk nesta quinta (22). O lugar, uma das províncias que compõem o Donbass, no leste da Ucrânia, é controlado por separatistas pró-Moscou.

A ofensiva foi relatada pelo quartel-general militar da autoproclamada república popular de Donetsk nas redes sociais. O órgão responsabiliza a Ucrânia pelo míssil, que atingiu um mercado coberto no centro da cidade. Kiev não comentou imediatamente as acusações, mas tanto ele quanto Moscou vêm negando mirar em civis.

Donetsk é uma das quatro cidades ucranianas em que ocorrem referendos para decidirem se querem se tornar parte do território russo neste final de semana —a Ucrânia e outros líderes ocidentais chamam o processo, patrocinado pela Rússia, de farsa.

O ataque a Donetsk acontece ainda em meio a uma escalada da guerra nesta quarta, após um pronunciamento de Vladimir Putin. Em um discurso transmitido pela TV local russa, o presidente russo determinou pela primeira vez a mobilização de até 300 mil reservistas para o conflito e voltou a ameaçar adversários com uma guerra nuclear.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.