Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos de Trajano de Moraes implementa ações após as chuvas

Com a chegada do período chuvoso, é importante que a população fique atenta às situações de risco causadas pelo mau tempo, além de praticar algumas ações preventivas. O prefeito de Trajano de Moraes, Rodrigo Viana e o vice Matias Mendes acionaram a Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos para colocar o município em dia. O fato se deu após as chuvas que caíram no município causando danos e estragos nas vias públicas, no final de semana.

O secretário da pasta, João Alves Nogueira – Batista acompanhou todo o trabalho de perto. Um dos bairros mais atingidos foi a Represa, e parte da Rua João Guimarães, popularmente chamada de Rua do Campo. A ação contou com a ajuda de máquina retroescavadeira, caminhão e funcionários da prefeitura.

“Tivemos a preocupação em pôr tudo em ordem. A Defesa Civil alertou sobre as chuvas, mas não fazíamos ideia que o volume em Trajano fosse ocasionar danos às vias públicas. Na ladeira do bairro Represa, por exemplo, que dá acesso a Rua José dos Santos e a Praçinha, a força da água deixou um rastro de barro, lama e resíduos. Mas imediatamente tudo foi limpo pelos funcionários da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos”, explicou o prefeito Rodrigo Viana.

De acordo com a Defesa Civil municipal, choveu nos últimos dias um volume acima do normal, o que ocasionou os estragos. “Quero agradecer aqui ao secretário Batista e a cada funcionário pelo serviço prestado, pois ficou bom e com qualidade. Sei e reconheço o esforço de cada um que esteve neste período imbuído na melhoria de nosso município. Muito obrigado! Agora é hora de devagar ir acertando os locais que foram menos danificados”, acrescentou o prefeito.

Na Rua João Alves Nogueira, por exemplo, houve escorregamento de barro e muita lama. Os funcionários atuaram numa frente única. “O prefeito determinou o esforço necessário para atender às demandas em pontos críticos, que foram prejudicados com as intensas chuvas. Temos vários funcionários atendendo a população assim como máquinas e caminhões nas ruas e estradas”, explicou o secretário da pasta Batista.

A Avenida Antônio Carlos Pacheco, também chamada de Rua da Cedae, teve escorregamento de terra e acúmulo de lama no acesso. “Nesse ponto a prefeitura teve que fazer a raspagem com o apoio de máquina e dos funcionários com inchadas. A retirada do material deixou o acesso livre e mais seguro. A gente orienta a população a ligar para o 199 na Defesa Cível e informar esse tipo de problema em dias de muita chuva. A gestão pública está aqui para fazer a parte dela”, solicitou o vice-prefeito, Matias Mendes.

Preventivamente, a Defesa Civil mantém em alerta as equipes de pronta resposta equipadas para atuar assim que acionadas, caso necessário. Entre as principais dicas para a população, é importante que todos estejam atentos em relação ao lixo. Além de serem grandes criadouros do mosquito da dengue e outros vetores, o lixo colocado ou descartado em lugares impróprios pode comprometer o escoamento da água da chuva, entupindo bueiros e causando alagamentos. “A remoção e limpeza dos entulhos dos quintais evita acúmulo de água e melhora o escoamento da água durante a chuva”, concluiu Matias Mendes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: