Secretaria de Segurança de Mangaratiba flagra crime ambiental na APA do Boto Cinza

A Secretaria de Segurança e Trânsito da Prefeitura de Mangaratiba, através do Grupamento de Proteção Ambiental da Guarda Municipal (GPA), realizou nesta sexta-feira (12) mais uma operação de fiscalização marítima na cidade. A ação terminou com o flagrante de crime ambiental e a autuação de duas embarcações, que praticavam cerco e pesca irregular com redes de arrasto dentro da APA Marinha Boto Cinza. 

Ao todo, 16 tripulantes foram detidos e encaminhados para a 165° Delegacia de Polícia Civil, onde está sendo registrado o flagrante.

Realizar o cerco de pescado e a pesca com redes de arrasto é proibido na APA do Boto Cinza, unidade de conservação criada pela Lei 940/2014. Praticar essas atividades configuram crime ambiental, de acordo com o Artigo 34 do Código Ambiental, que prevê pena de detenção de até três anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: