fbpx

Rei dos hat-tricks, Bruno Henrique se anima com boa fase no Flamengo

Bruno Henrique comandou a virada do Flamengo sobre o São Paulo, domingo, no Maracanã, ao fazer os três primeiros gols da vitória por 5 a 1. Desde que voltou ao país para defender o Santos, em 2017, após a passagem pelo Wolfsburg, da Alemanha, ninguém fez mais hat-tricks no Brasileiro do que ele: quatro.

Bruno Henrique e Diego comemoram goleada do Flamengo sobre o São Paulo — Foto: Alexandre Durão

Foram três vezes pelo Flamengo e uma pelo Peixe. Neste período, Gabigol e Keno são quem mais se aproximam de Bruno Henrique. Ambos fizeram dois hat-tricks na competição nacional.

A exibição de gala contra o São Paulo renovou na torcida de expectativa de que o camisa 27 repita seus melhores momentos de 2019. A entrevista completa com o atacante vai ao ar no Esporte Espetacular.

– Fazer um gol já é bom, né? Três é excelente. Fico feliz de ter feito esses gols depois de ter voltado bem da lesão. Já tinha ido bem na Libertadores. Estava confiante contra o São Paulo, espero manter essa pegada. Não é fácil, são jogos em cima de jogos, viagens… Estamos em três competições e é complicado ter uma recuperação rápida – disse Bruno Henrique ao ge.

Após quatro vitórias (três goleadas) em quatro jogos com Renato Gaúcho, o Flamengo terá como próxima missão a Copa do Brasil. Quinta-feira, o time enfrenta o ABC, no Maracanã. Bruno Henrique avisou que a equipe vai com tudo para tentar colocar também essa taça na coleção.

– Temos todos os troféus, menos o da Copa do Brasil. Eu sempre quis ganhar. Tem um troféu bonito, umas medalhas bonitas… deve ser por isso (risos). E nós estamos focados em ir em busca desse título que falta para nós. Com respeito ao ABC, vamos jogar da nossa forma dentro e fora de casa: imprimindo nosso ritmo, pressionando, marcando, todos correndo e se ajudando para, se Deus quiser, a gente passar de fase – disse BH.

Os hat-tricks no Brasileiro desde 2017:

* Levantamento de Guilherme Maniaudet, do Espião Estatístico

Brasileiro 2017

3ª rodada – Sport 4 x 3 Grêmio – André (Sport)

5ª rodada – Chapecoense 3 x 6 Grêmio – Everton Cebolinha (Grêmio)

9ª rodada – Flamengo 5 x 1 Chapecoense – Paolo Guerrero (Flamengo)

12ª rodada – Santos 3 x 2 São Paulo – Copete (Santos)

16ª rodada – Santos 3 x 0 Bahia – Bruno Henrique (Santos)

Brasileiro 2018

9ª rodada – Santos 5 x 2 Vitória – Rodrygo (Santos)

16ª rodada – Vasco 1 x 4 Corinthians – Ángel Romero (Corinthians)

22ª rodada – Vasco 0 x 3 Santos – Gabigol (Santos)

Brasileiro 2019

10ª rodada – Flamengo 6 x 1 Goiás – Arrascaeta (Flamengo)

13ª rodaada – Bahia 3 x 0 Flamengo – Gilberto (Bahia)

14ª rodada – Ceará 4 x 1 Chapecoense – Thiago Galhardo (Ceará)

16ª rodada – Palmeiras 3 x 0 Fluminense – Luiz Adriano (Palmeiras)

30ª rodada – Flamengo 4 x 1 Corinthians – Bruno Henrique (Flamengo)

35ª rodada – Flamengo 4 x 1 Ceará – Bruno Henrique (Flamengo)

Brasileiro 2020

11ª rodada – Atlético-GO 3 x 4 Atlético-MG – Keno (Atlético-MG)

12ª rodada – Atlético-MG 3 x 1 Grêmio – Keno (Atlético-MG)

31ª rodada – São Paulo 1 x 5 Internacional – Yuri Alberto (Internacional)

37ª rodada – Fortaleza 0 x 4 Bahia – Rodriguinho (Bahia)

Brasileiro 2021

6ª rodada – Bragantino 3 x 1 Palmeiras – Ytalo (Bragantino)

12ª rodada – Bahia 0 x 5 Flamengo – Gabigol (Flamengo)

13ª rodada – Flamengo 5 x 1 São Paulo – Bruno Henrique (Flamengo)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: