fbpx

Quebrando tabus. Palestra esclarece trabalhadores de limpeza urbana de Casimiro de Abreu sobre o câncer de próstata

“Vergonha”, “preconceito”, “machismo”, “falta de tempo”. Desculpas não faltam ao homem quando o assunto é ir ao médico e procurar um urologista – profissional responsável por diagnosticar, tratar e acompanhar pacientes com distúrbios urológicos, que afetam órgãos como rins, bexiga, ureteres e todo o sistema reprodutivo masculino.  Por isso, o Núcleo  Ampliado de Saúde da Família (NASF) em conjunto com a Atenção Básica do Município promoveram, na manhã desta quinta-feira, dia 18, palestra sobre a saúde do homem, na sede da empresa de limpeza urbana Ecomix , em Casimiro de Abreu.

A ação faz parte do Novembro Azul, cujo objetivo é conscientizar a população masculina sobre o câncer de próstata. Durante todo o mês, uma vez por semana, um posto de saúde funciona com horário estendido até as 19h com objetivo de atender especificamente o público masculino. A medida visa facilitar os trabalhadores que, por algum motivo, têm dificuldade de procurar atendimento médico durante a maior parte do dia. Com o  diagnóstico precoce, as chances de cura do câncer de próstata chegam a 90%.

“É preciso quebrar o tabu. Saúde também é coisa de homem. Ações como essa são muito importantes porque a troca de informação leva à reflexão”, disse a psicóloga Isabella Fernandes do NASF. A palestra, que durou cerca de uma hora, agradou aos cerca de 50 trabalhadores presentes. “Há muita gente que sente vergonha e não fala desse assunto. Tem homem que acha que é só o exame de toque. Mas isso é só uma etapa do atendimento”, concluiu o operador de máquinas Fernando da Conceição Araújo, 38 anos.  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: