Proposta permite que todos os militares do Rio exerçam função de piloto de aeronaves

Começou a tramitar na Assembleia Legislativa (Alerj) um projeto de lei que permite que todos os militares das corporações no Estado do Rio de Janeiro possam exercer a função de piloto de aeronaves, aviões e helicópteros. Isso desde que devidamente habilitados pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

Atualmente, a função de piloto é exercida exclusivamente por militares que ocupam o posto de 1º e 2º tenente. A proposta, de autoria do deputado Filippe Poubel (PSL), tem como objetivo ampliar as oportunidades para os integrantes da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros, independente da patente que ocupam.
 
Ao justificar o projeto, o parlamentar disse que “não se pode admitir que haja distinção para o exercício de qualquer função em razão da patente do militar”: “O que deve servir sempre como parâmetro é a capacidade técnica e não o posto que ocupa dentro da corporação”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: