Preso, DJ Ivis divide cela com outros que cometeram violência doméstica

DJ Ivis foi preso preventivamente

Preso preventivamente na última quarta-feira, dia 14, por agressões a ex-mulher, DJ Ivis está dividindo a cela com outros homens também envolvidos em casos de violência doméstica. O forrozeiro está na Delegacia de Capturas e Polinter (Decap), em Fortaleza.

— Pela lei, estes presos de violência doméstica ficam separados dos demais — explica o secretário de Segurança Pública e Defesa Social do Ceará, Sandro Caron: — O inquérito será concluído em dez dias, para que na sequência o Ministério Público possa oferecer a denúncia.

Advogado do artista, André Quezado confirmou que aguarda uma conversão da prisão preventiva em medidas cautelares, como o uso de tornozeleira. A ideia é que Iverson de Souza Araújo, de 30 anos, cumpra todas as obrigações longe da prisão.

“(DJ Ivis) Está totalmente abalado emocionalmente, psicologicamente. Vamos em busca de medidas cautelares, para que ele fique em liberdade. A defesa irá apresentar as provas cabíveis”, disse Quezado, em entrevista ao “CE2”, da TV Verdes Mares, afiliada da TV Globo em Fortaleza.

Silêncio no interrogatório…

DJ Ivis ficou calado em interrogatório sobre agressão contra ex-mulher, Pamella Holanda.

Momento em que o DJ Ivis agride ex-mulher na presença da filha, de 9 meses
Momento em que o DJ Ivis agride ex-mulher na presença da filha, de 9 meses

— Ele foi preso ontem. No interrogatório não quis falar. É um direito constitucional concedido que lhe assiste. Nós expedimos a guia de corpo delito e ele foi encaminhado para Delegacia de Capturas — diz Tharsio Facó, titular da Delegacia Metropolitana do Eusébio (localizada na região metropolitana de Fortaleza).

… preocupação na prisão

Mas ao ser levado pelos policiais, o DJ mostrou preocupação com a mãe, Ivone de Souza.

— O uso de algemas é basicamente para proteção dos policiais que participam da diligência e o preso. Não é um procedimento que a Polícia concorde, mas que às vezes tem que seguir. DJ Ivis sempre se mostrou muito tranquilo durante a prisão. Ele só falou da preocupação com a mãe, ‘que ficaria só’, disse, e foi isso” — explica Sandro Caron, secretário de Segurança Pública e Defesa Social do Ceará.

Entenda o caso

Iverson de Souza Araújo, o DJ Ivis, de 30 anos, foi acusado de ter agredio a ex-mulher, Pamella Holanda. A arquiteta divulgou nas redes sociais vídeos de um ato ocorrido em dezembro de 2020 e, de acordo com a Polícia Civil do Ceará, ela fez novas denúncias no início de julho deste ano. Em entrevistas, Pamella explicou que as agressões já ocorriam há tempos, incluindo o período em que ela estava grávida.

Pamella acusou o ex-marido, DJ Ivis, de agressão
Pamella acusou o ex-marido, DJ Ivis, de agressão Foto: Reprodução/Instagram

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: