Prefeitura recebe primeira remessa de insumos do convênio com o DER-RJ

O material será utilizado para recapeamento dos principais trechos das vias de acesso do município

A Prefeitura de São Gonçalo recebeu cerca de 33 toneladas de Cimento Asfáltico de Petróleo (CAP), do convênio com o Departamento de Estradas de Rodagem do Estado do Rio de Janeiro (DER-RJ), nesta sexta-feira (9). O convênio garantirá material para recapeamento dos principais trechos das vias de acesso do município. As novas frentes de obras deverão estar nas ruas a partir da próxima semana.

Além das obras, o convênio irá garantir que a usina de asfalto possa funcionar a pleno vapor, acelerando os trabalhos de pavimentação e recuperação de ruas no município. As operações tapa-buracos já vêm sendo realizadas desde o primeiro dia de governo e a parceria com o DER irá aumentar a capacidade de atuação das equipes da Secretaria de Desenvolvimento Urbano.

“A cidade nunca recebeu uma quantidade tão grande de insumos para a realização de obras significativas. Desde janeiro, estamos trabalhando para atender as reais necessidades dos gonçalenses e já estamos obtendo resultados positivos dessas ações”, disse o secretário de Desenvolvimento Urbano, Junior Barbosa.

Obras

Nesta sexta-feira (9), equipes da secretaria trabalharam em diversas frentes de obras de manutenção e preservação na cidade. Na Rua José Mendonça de Campos, no Mutondo, com a ajuda de uma retroescavadeira, funcionários trabalham na substituição de 31 manilhas, que auxiliam na passagem de águas pluviais.

Já na Antiga Estrada do Rocha, na Água Mineral, equipes realizaram o trabalho de inclusão de 200 manilhas em um trecho de 200 metros, além de três caixas e 160 blocos de concreto. A obra ajudará a solucionar os problemas de drenagem que ocorrem na região.

Com o auxílio de uma máquina para a retirada dos resíduos, as obras de dragagem do Rio Imboaçu, no Zé Garoto, continuam sendo realizadas ao longo desta sexta-feira. A ação faz parte do programa Limpa Rio, visando evitar os riscos de enchentes no município, diminuindo assim os impactos causados pela chuva. Os trabalhos são em parceria com o Inea.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: