fbpx

Prefeitura e Governo do Estado planejam intervenções em Itaboraí

Uma parceria que pode render ótimos frutos para a população de Itaboraí está se consolidando. Nesta quarta-feira (08/09), o prefeito, Marcelo Delaroli; o secretário municipal de Serviços Públicos (SEMSERP), Uilton Viana Filho; o deputado federal, Altineu Cortes; o representante da Secretaria Municipal de Habitação (SEMHAB), Mônica Virgílio e o secretário de Estado de Infraestrutura e Obras, Max Lemos, se reuniram na sede da Secretaria Estadual de Infraestrutura e Obras (Seinfra), com objetivo de buscar investimentos para o município.

Durante o encontro, Delaroli apresentou uma lista de pedidos para melhorias em várias frentes do município e ficou estabelecido inúmeros investimentos por iniciativa do Governo do Estado para a infraestrutura da cidade. Entre eles, intervenções nos bairros de Jardim Imperial e Engenho Velho. Além de retomadas das obras do condomínio do PAC de Itambi, revitalização da Avenida 22 de maio e a concretagem de aproximadamente 300 ruas pela cidade.

Para o prefeito de Itaboraí, Marcelo Delaroli, o apoio do Governo Estadual é fundamental para mudar a realidade. E as demandas apresentadas vão de encontro à necessidade crescente de infraestrutura do município. “Esta proximidade representa tudo para o município neste momento de crise que o país enfrenta. A união entre as instâncias é capaz de gerar renda, emprego, saúde e dignidade a quem vive aqui. Nossa intenção é proporcionar investimentos em obras, possibilitando saneamento e pavimentação para milhares de itaboraienses”, afirmou o gestor.

“Prefeitos que apresentam bons projetos como este sem dúvidas saem na frente nesta maratona de obras que estamos projetando em todo o estado. A missão dada pelo governador Cláudio Castro é ajudar os nossos municípios em suas maiores necessidades e, quando se fala em inclusão, a urgência é ainda maior. Isso é muito importante. O governo trabalhando dessa forma, ouvindo os prefeitos que, dessa forma, podem relatar os problemas dos municípios diretamente para o governador”, disse o secretário de Estado de Infraestrutura e Obras, Max Lemos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: