fbpx

Prefeitura do Rio apresentará resultados de evento no Maracanã 15 dias após o jogo

Duas semanas depois da partida entre Flamengo e Grêmio, marcada para o próximo dia 15, no Maracanã, a Secretaria Municipal de Saúde vai apresentar os dados coletados durante o monitoramento dos torcedores. A Prefeitura liberou como evento-teste, no início da semana, a capacidade de 35% de público no estádio, mediante apresentação de teste negativo de 48 horas antes, situação vacinal e uso de máscara.

Os CPFs serão monitorados para saber se darão entrada em unidades de urgência e emergência, para medir o nível de contaminação. O secretário municipal de Saúde, Daniel Soranz, acredita que a contaminação “não vai acontecer”.

“O Flamengo apresentou um protocolo de muita qualidade. Todas as pessoas que estiverem nesse evento serão monitoradas por 15 dias”, disse o secretário, durante a apresentação do novo boletim epidemiológico, nesta sexta-feira, na Cidade Nova. “Na retirada do ingresso, antes de a pessoa ir para o Maracanã, ela já vai ter a conferência desses ingressos. Teoricamente, aquelas pessoas estão todas testadas, em um laboratório autorizado, diferente do que foi na Copa América, quando houve falsificação de testes”.

“Observamos protocolos como os das NBA (liga norte-americana de basquete). Na maioria desses locais, bastava somente a apresentação dos testes em 48 horas. A gente considerou que é importante o teste, mais a situação vacinal, mais a utilização do uso de máscara”, completou Soranz.

A Secretaria Municipal de Saúde disse que outros clubes também estão liberados para apresentar protocolos de público nos estádios. Cada planejamento será avaliado por técnicos de vigilância em saúde. Competições esportivas estão na lista de eventos-teste aceitos pela prefeitura, mediante autorização.A tendência é que outros eventos sejam liberados na cidade nos próximos dias, como festas em espaços abertos e shows, também em ambientes abertos.

“Outros eventos vão ser liberados na cidade nos próximos dias. É muito importante a gente diferenciar essa comunicação. É um evento controaldo, com testagem, prova de situação vacinal, diferente de eventos que promoveram aglomeração neste final de semana”, disse o secretário Soranz.

Nesta sexta-feira (10), a prefeitura prorrogou medidas restritivas na cidade. Boates, danceterias e salões de festa seguem suspensos. Casas de espetáculo podem receber 60% do público, com distanciamento de 1 metro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: