Prefeitura de Teresópolis amplia número de cirurgias de Pediatria, Urologia e Ortopedia

A gestão do Prefeito Vinicius Claussen ampliou consideravelmente o número de cirurgias pactuadas com o Sistema Único de Saúde, especialmente nas especialidades de Pediatria, Urologia e Ortopedia. Além de procedimentos cirúrgicos de outras especialidades médicas, como Oftalmologia.

O Prefeito Vinicius Claussen destacou o trabalho que vem sendo feito desde o início da gestão. “Assim que assumimos a gestão, em 2018, começamos um trabalho para ampliarmos o número de cirurgias, entre outros procedimentos, pactuados com o SUS. Em 2020, atuamos fortemente na Saúde, em especial, no enfrentamento à pandemia e nas intervenções cirúrgicas porque se não fizéssemos as cirurgias a demanda reprimida iria complicar o quadro da Saúde no município”.

Somente nos meses de outubro e novembro de 2020 foram realizadas 54 cirurgias pediátricas, para correções de fimose, hérnia etc. Esse número é 20% maior do que a média de cirurgias feitas por ano no município, que era de 45, em média. De acordo com o cronograma, este ano, para atender à demanda atual, serão realizadas 10 cirurgias mensais.

Quanto à Urologia, foram feitos, em outubro e novembro, 79 procedimentos cirúrgicos. Durante todo o ano de 2020, foram realizadas 432 intervenções cirúrgicas somente na Beneficência Portuguesa. O Hospital São José também é credenciado para este tipo de cirurgia. Em 2019, a unidade hospitalar efetuou 178 intervenções cirúrgicas urológicas.

Além de procedimentos cirúrgicos de outras especialidades médicas, como Oftalmologia, com 32 intervenções feitas, e Ortopedia, com 30 cirurgias mensais, em média, e aumento de mais 30, totalizando 50 cirurgias por mês.

“O município tem custeado também quatro cirurgias vasculares por mês, no Hospital São José. Essas intervenções são consideradas de alta complexidade, com custo de R$ 15 a R$ 20 mil cada. O Prefeito oficializou, em Brasília, o pedido de habilitação do município para cirurgias vasculares de alta complexidade pelo SUS”, ressaltou o secretário de Saúde, Antonio Vasconcellos.

     

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TV Prefeito