Prefeitura de Niterói apresenta resultados do planejamento estratégico Niterói Que Queremos 2013-2020

O prefeito de Niterói, Rodrigo Neves, apresentou nesta quarta-feira (16), os resultados do Plano Niterói Que Queremos 2013-2020, em uma solenidade no Theatro Municipal, com transmissão na página da prefeitura no Facebook. O planejamento estratégico norteou as ações da Prefeitura nas áreas de Segurança, Infraestrutura, Finanças, programas sociais, Saúde, Educação, entre outras, nos últimos anos.

“Encerro esse governo com contas públicas organizadas e uma cidade que tem um Plano de desenvolvimento de curto, médio e longo prazo, coisa que poucas cidades do mundo têm. O Niterói Que Queremos não é um projeto do prefeito, dos vereadores ou de um partido político. É um projeto do conjunto da cidade que fica para as próximas gerações”, disse o prefeito Rodrigo Neves.

O Niterói Que Queremos foi realizado em parceria com o Movimento Brasil Competitivo. É o primeiro Plano Estratégico de Desenvolvimento de Curto, Médio e Longo Prazos para a cidade, contemplando os próximos 20 anos, a partir de sua implantação. Seu objetivo é deixar Niterói preparada para os desafios atuais e do futuro. Na sua elaboração, foram ouvidos os mais diversos segmentos em entrevistas, pesquisas na Web e congressos. A partir dos diagnósticos e das pesquisas, o plano para o período 2014-2033 foi montado e dividido em três etapas, com ações previstas para os períodos de quatro, oito e 20 anos.

A secretária municipal de Planejamento, Orçamento e Modernização da Gestão, Ellen Benedetti, apresentou o conjunto de obras e projetos desenvolvidos nos últimos oito anos da administração municipal e que fazem parte do conjunto de ações do Niterói que Queremos.

As realizações contemplam áreas diversas da cidade, desde a mobilidade urbana até o lazer e cultura, com obras emblemáticas como: a TransOceânica, o Túnel Charitas-Cafubá, o alargamento da Marquês do Paraná; quedas nos índices da violência com projetos como o Niterói Presente e criação do Centro Integrado de Segurança Pública (Cisp); reabertura do Hospital Getulinho, reforma e ampliação do Mário Monteiro e do Hospital Carlos Tortelly; os maiores investimentos em Educação do Estado do Rio de Janeiro; projetos para a balneabilidade da orla da Baía, obras de saneamento; recuperação financeira, criação inédita do Fundo de Equalização da Receita; subsídios culturais, inauguração da Sala Nelson Pereira dos Santos.

A secretária municipal de Fazenda, Giovanna Victer, falou sobre as ações da prefeitura para o enfrentamento da pandemia do novo coronavírus. “Começamos 2020 planejando muitos projetos e entregas, mas no dia 8 de março o prefeito reuniu o gabinete de crise e começamos a prospectar cenários para Niterói com a pandemia. Criamos programas para socorrer as pessoas que perderam suas rendas com o isolamento social, como o Programa Renda básica, que beneficiou mais de 40 mil pessoas que recebem R$500 por mês para suprir suas necessidades básicas. Criamos programas para socorrer micro, pequenas e médias empresas da cidade. Nisso tudo foi muito importante a poupança dos royalties, que foi criada para uso emergencial e não prevíamos que iríamos ter isso tão cedo”, disse a secretária.

O prefeito eleito Axel Grael também participou da solenidade. Ele lembrou que em 2021, na campanha eleitoral, quando ele era candidato a vice-prefeito, todas as realizações apresentadas foram planejadas.

“Enquanto eu assistia às apresentações das realizações do governo, eu me lembrei de 2012, quando fizemos uma campanha eleitoral dizendo que íamos fazer tudo o que foi apresentado. Prometemos uma gestão empreendedora e fizemos uma gestão empreendedora; falamos que realizaríamos uma gestão que priorizaria a Educação, a Saúde e vemos agora, passados oito anos, esses resultados que foram exatamente o que prometemos que faríamos”, disse Axel Grael.

O prefeito eleito destacou ainda que dará continuidade aos projetos do Niterói Que Queremos e que a atual administração será lembrada pelos feitos históricos que conseguiu.

“Daqui a alguns anos vamos lembrar que esse resultado histórico aconteceu num momento tão adverso, talvez na pior década da história da república, do estado. Enfrentamos nessa reta final um grande desafio, o maior da nossa geração, que é essa pandemia. Mas fizemos uma gestão que tirou a cidade do endividamento. Vamos continuar buscando recursos e vamos manter o ciclo de investimentos na cidade. Vamos continuar fazendo todo esse trabalho de melhoria na qualidade de atendimento ao cidadão e  continuar no caminho da sustentabilidade”, afirmou Axel Grael.

Também participaram da solenidade o presidente da Câmara Municipal de Niterói e vice-prefeito eleito, Paulo Bagueira, o deputado federal Chico D’Ângelo, a primeira-dama Fernanda Sixel, entre outras autoridades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: