Prefeitura de Belford Roxo promove formação continuada para professores da educação infantil

A Secretaria de Educação de Belford Roxo, em parceria com a editora IPDH, realizou a abertura de uma formação continuada para professores da rede nesta segunda-feira (10-05), na Escola Municipal Belford Roxo, bairro das Graças. Durante duas semanas, os profissionais serão treinados de maneira virtual para administrar o novo material didático da educação infantil. Foi realizada também a entrega simbólica desse material e uma palestra com o tema “Educação Socioemocional e Educação Infantil em tempos desafiadores, ministrada pela pedagoga e especialista em Educação Regina Shudo. A deputada federal Daniela do Waguinho esteve presente prestigiando o evento.  

A deputada federal Daniela do Waguinho, que é pedagoga, ressaltou a importância de um espaço adequado para o ensino. “Apesar da estrutura física não ser tudo, o município reformou várias unidades escolares. Esse período de pandemia não está sendo fácil, pois o vírus atacou também a educação e os professores tiveram que se reinventar. Essa primeira infância tem que interagir, brincar para atingir todo o seu desenvolvimento”, destacou a deputada, que faz parte da Frente Parlamentar da Primeira Infância e é coordenadora da Frente Parlamentar da Primeira Infância na região Sudeste.  

De acordo com o secretário de Educação, Denis Macedo, a formação continuada voltada para os professores é sobre a utilização do material didático. “São muitas novidades que passaremos para os nossos alunos. Os livros sempre foram importantes no processo do ensino. Nesse período de pandemia as telas entraram na realidade dos alunos, mas não substituem os livros”, destacou Denis, ao lado da secretária especial de Assuntos Pedagógicos, Rosangela Garcia, e do vereador Matheus Ricardo, o Matheus Igual a Você. “Esse é o quarto ano de parceria com a editora para o material da educação infantil. Com o ensino híbrido, as crianças têm uma certa dificuldade para aprender nas telas e esse material impresso torna mais acessível o ensino aos nossos alunos”, resumiu a diretora da divisão infantil Vanessa Alves.  

A palestrante Regina Shudo destacou o ensino híbrido e o retorno presencial das aulas. “Com a pandemia, devemos proteger ao máximo nossas crianças e com todos os protocolos de segurança, retornarem às escolas, pois é fundamental que elas, principalmente as que vivem em situação de vulnerabilidade, possam ser acolhidas e que aconteça a interação. Muitas delas não têm esse tipo de atenção ou estímulo em casa, o que pode ocasionar em atraso na linguagem, problemas motores e vão ficar para trás”, explicou Regina. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: