fbpx

Por conta do frio, São Gonçalo intensifica acolhimento a pessoas em situação de rua

Devido à intensa frente fria que chegou no município na tarde da última quarta-feira (28), a Prefeitura de São Gonçalo, através da Assistência Social, está ampliando o acolhimento para pessoas em situação de rua.

A partir da noite desta quinta (29), o município vai contar com dois pontos de acolhimentos provisórios, frutos de uma parceria com a sociedade civil que, de forma voluntária, disponibilizou os espaços. Inicialmente, a ideia é que as pessoas fiquem abrigadas até a manhã de domingo.

Os locais são a Assembleia de Deus Central (Rua Alfredo Backer, 416, Alcântara) e Nova Unção (Rua Alfredo Backer, 536, Alcântara).

Veículos da Assistência Social irão percorrer os locais críticos da cidade para realizar a busca das pessoas em situação de rua.

“Nossas equipes estão atentas a situações como essa da frente fria. O objetivo da Assistência Social é levar dignidade para essas pessoas que estão em situação de rua, dando suporte para que elas tenham acesso aos serviços de acolhimento e atendimento da prefeitura”, disse o subsecretário de Proteção Social Especial, Allan Rodrigues.

Durante o acolhimento serão oferecidos café da manhã, almoço e jantar, além de uma área para dormir com cobertores. Caso a frente fria se prolongue, a Assistência Social seguirá com a ação.

São Gonçalo conta com dois pontos de acolhimentos fixos: o Albergue da Misericórdia e o Centro de Acolhimento Social Gonçalense, ambos no bairro Vista Alegre. O primeiro conta com vagas disponíveis.

Desde o início do ano, a secretaria vem desenvolvendo ações de abordagens noturnas em São Gonçalo, com o objetivo de resguardar a integridade de toda a população e, em especial, das pessoas que vivem em vulnerabilidade social.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: