Petrópolis marca presença no Fórum de Educação e Atendimento Técnico do FNDE

Antigo Fórum - Palácio da Justiça

Buscar mais recursos e informações sobre as atualizações dos programas federais do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). Com esse objetivo, Petrópolis marcou presença no encontro realizado nessa segunda-feira (05/07) em Miguel Pereira, durante o Fórum de Educação e Atendimento Técnico do FNDE.

O evento contou com a participação do Ministro da Educação, Milton Ribeiro, do presidente do FNDE, Marcelo Ponte, do secretário de Educação do Estado do Rio de Janeiro, Alexandre Valle, do prefeito de Miguel Pereira, André Português, além deputados estaduais e vereadores.

“Temos 48 milhões de alunos na educação básica em todo o Brasil e é por eles que devemos, sempre, buscar o melhor para os municípios. Estamos plantando sementes a médio e longo prazo para fortalecer a educação em todo país”, afirmou o ministro.

O secretário de Educação do Estado, Alexandre Valle, aproveitou para parabenizar os municípios pelo desempenho em prol da Educação. “Esse é um encontro de trabalho, com todos os entes reunidos pensando no melhor para a Educação. Sabemos que muitos municípios tem dificuldade em ir para Brasília e possibilitar esse encontro técnico é maravilhoso para nosso Estado”.

O governo interino salienta que Petrópolis está sempre em busca de recursos e auxílio e por isso, a rede pública vem alcançando pontos positivos como a continuidade de obras, aquisição de mobiliário, ônibus escolares e material didático.

Na ocasião, secretários de Educação dos municípios do Estado do Rio de Janeiro tiveram a oportunidade de se reunir com as equipes técnicas do FNDE para tirar dúvidas.

“Felizmente Petrópolis mantém um canal aberto de articulação com as esferas estadual e federal, o que facilita na resolução de pendências e na busca por recursos. A pedido do governo interino, a Secretaria de Educação de Petrópolis fez questão de fortalecer os laços e teve a chance de conversar com os técnicos e explicar nossas demandas, como recursos para investimento em infraestrutura para a nossa rede municipal”, explicou a secretaria de Educação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: