fbpx

Parque Barão de Mauá, em Magé, terá sede com alojamento e observatório de pássaros

As secretarias municipais de Meio Ambiente e de Habitação e Urbanismo bateram o martelo e decidiram como será o projeto de revitalização do Parque Natural Municipal Barão de Mauá, no bairro Ipiranga, no quinto distrito de Guia de Pacobaíba. Idealizado pela Divisão de Projetos e Orçamentos de Obras Públicas da SMHU, o novo PNMBM terá sede com alojamento para pesquisadores, centro de exposição, lanchonete, banheiros públicos e um observatório de aves. As trilhas dentro da unidade de conservação também serão reestruturadas e ficarão acima da maré e do chão do manguezal. “O projeto de revitalização será pioneiro em Magé. A partir dele, vamos idealizar ações parecidas para as demais unidades, como o Horto Municipal, por exemplo”, comentou o secretário de Meio Ambiente, Sílvio Furtado.

Sílvio acredita que, com a nova estrutura, o parque, que tem cerca de 113 hectares, será um ponto de estudo importante para pesquisadores de todo o país e mesmo do mundo. Pensando nisso, o projeto previu a construção de uma sede com alojamento, copa e sala de vídeoconferência para receber os visitantes e estudiosos. Também será construído um observatório de pássaros em uma área de 166 m2 e cuja estrutura deverá ficar acima da copa das árvores mais altas. De acordo com o educador ambiental Adeimantos Carlos da Silva, que trabalha no PNMBM, o local recebe até 116 espécies de aves diferentes em rota migratória. “Além disso, há capivaras, micos e furões que frequentam a área. Isso sem falar nos diversos tipos de caranguejos, com destaque para o caranguejo-uçá”, informou.

As obras, que devem começar em 2022, preveem também guarita, pérgola e pórtico de acesso que será construído na Rua Antônio Gomes de Oliveira. “Vamos implantar uma estrutura para atividades de educação ambiental ao ar livre com 58 m2 e próxima do início das trilhas”, anunciou o subsecretário de Meio Ambiente, Fernando Arnauth. O projeto de revitalização do Parque Barão de Mauá foi apresentado no último dia 19 de outubro, quando a unidade realizou um evento para comemorar os seus nove anos de fundação. A iniciativa, que inclui ações do plano de manejo para a conservação do parque, contou com o apoio da ONG Guardiões do Mar.1 de 4  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: