Paes anuncia decreto com protocolos para a liberação de grandes eventos no Rio

O prefeito do Rio, Eduardo Paes, anunciou que será publicado no início da próxima semana um decreto com protocolos para o retorno de eventos na cidade. A fala foi feita nesta sexta (14) durante a divulgação do 19° Boletim Epidemiológico do Rio, que mostrou a redução do número de casos, apesar do município ter alcançado a marca de 25 mil óbitos.

“Essa é uma decisão já tomada, falta acertar detalhes. Muito provavelmente na segunda-feira (17) ou na terça (18), nós vamos publicar um decreto em que estabelecemos a possibilidade da volta de realização de eventos com uma série de protocolos”, afirmou Eduardo Paes.

O prefeito reforçou que todos os protocolos de segurança devem ser seguidos para garantir que o retorno desta atividade seja feito de maneira segura. Ele citou alguns protocolos que as empresas de eventos devem seguir, e mencionou que eles podem ser flexibilizados na medida que a vacinação avançar na cidade.

“Será possível realizar eventos desde que as pessoas sejam testadas, nesse teste mais rápido no dia da realização da festividade. E depois, retestadas um período depois. Nesse primeiro momento haverá um conjunto de regras, e a medida que a imunização avançe, as regras podem flexibilizar, mas o decreto deve estabelecer parâmetros bem claros para que algumas atividades possam retornar com segurança. Temos discutido muito com a indústria de eventos e podemos publicar essa medida”, disse.

O prefeito disse que está conversando com a Secretaria de Saúde para alinhar os últimos detalhes do novo decreto e mencionou que se trata de uma discussão técnica.

Decreto em vigor

Na última sexta (7), a prefeitura adotou um decreto com flexibilização das medidas restritivas após acompanhar uma redução do número de casos de contaminação pela covid-19. A medida continua vigente até a próxima quinta-feira (20).

O que permanece flexibilizado:– Realização de eventos em áreas particulares;

– Funcionamento de casas de espetáculo e concerto, com 40% da capacidade se forem ambientes fechados e 60% da capacidade se forem ambientes abertos;

– Circulação de pessoas em áreas públicas das 23h às 5h;

– Em bares, lanchonetes, restaurantes, quiosques da orla e congêneres fica permitido o consumo apenas para clientes sentados, com distanciamento mínimo de dois metros entre cada conjunto composto por mesa e cadeiras, limitado a oito ocupantes, sendo admitida música ao vivo até as 23h.

O funcionamento de boates, realização de rodas de samba e circulação de ônibus fretados no município permanecem com as atividades suspensas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: