No ano do centenário, Portela vai contar a própria história na Sapucaí em 2023

“Um sonho que se realiza. Uma profecia que se cumpre”. É assim que a Portela anunciou, nesta quarta-feira (29), o enredo que vai apresentar na Sapucaí em 2023, ano de seu centenário. “O azul que vem do infinito” é o título do tema que será desenvolvido pelo casal de carnavalescos Renato e Márcia Lage. No anúncio, a escola publicou um vídeo nas redes sociais com cerca de dez minutos com participação de personalidades da agremiação, como Tia Surica, Paulinho da Viola, Lucinha Nobre e Mauro Diniz. As imagens contam a história de fundação da escola, na década de 1920, e episódios do centenário, com músicas famosas na trajetória da Azul e Branco.

— O enredo é contado a partir do olhar de cinco personagens, que, em seus períodos de vida e protagonismo na Portela e no carnaval, contemplam toda a história da nossa escola. Cada um no seu tempo. A história da Portela é a saga de gerações que se sucedem no tempo. Só assim chegamos aos cem anos — afirma o presidente Fábio Pavão.

— Acho muito interessante participar com a nossa arte de um projeto dessa magnitude Portela 100 anos. Uma passagem de grandes bambas do samba que fazem parte da cultura do nosso país. Estamos honrados.

A homenagem é a segunda já confirmada para 2023. No próximo ano, a União da Ilha também já divulgou que levará uma celebração à Portela no desfile da Série A. “O encontro das águias no templo de Momo” é o título do tema que será desenvolvido pelo carnavalesco Cahê Rodrigues.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.