fbpx

Ministro do Meio Ambiente anuncia meta de redução em 50% na emissão de gases até 2030

O ministro do Meio Ambiente, Joaquim Leite, anunciou novas metas climáticas para o país nesta segunda-feira (1º) durante Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas, a COP26, em Glasgow, na Escócia. A meta, segundo Leite, é de neutralidade de carbono até 2050.

“Apresentamos hoje uma nova meta climática, mais ambiciosa, passando de 43% para 50% até 2030; e de neutralidade de carbono até 2050, que será formalizada durante a COP26”, afirmou o ministro.

Leite disse que o país é uma “potência verde” e elogiou o uso de biocombustíveis e das tecnologias de baixa emissão associadas ao agronegócio. O presidente Jair Bolsonaro participou do evento por um vídeo gravado.

No dia 20 de outubro, um projeto de lei aprovado no Congresso apresentou uma nova meta climática para o Brasil, anunciando redução de 43% nas emissões em 2025 e 50% em 2030. Igual ao discurso de Joaquim Leite nesta segunda, o projeto não se comprometeu com um número real para a redução, e estipula que tal valor será definido no futuro por um decreto do presidente Bolsonaro.

Tanto o projeto de lei, quanto o discurso de Leite na COP26 é contrário à meta atual de redução de emissões de gases do efeito estufa apresentada na ONU em 2020.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: