fbpx

Mesmo sem o título, boa fase do sub-20 pode ajudar o Botafogo; conheça alguns garotos

O vice-campeonato no Carioca sub-20 deixou gosto amargo, mas a campanha da garotada do Botafogo chama a atenção do departamento profissional do clube. Depois de um período difícil, a equipe mudou de técnico, engrenou em competições diferentes e colocou em boa fase garotos que podem sonhar com uma vaga no time de cima.

No último domingo, o Bota perdeu por 1 a 0 para o Vasco, que levou a taça do Estadual sub-20. O técnico Eduardo Barroca acompanhou de perto a partida, assim como integrantes da diretoria eleita do clube. O que mostra que o radar está ligado. O ge lista algumas promessas que já frequentaram o time principal e podem ser testadas novamente.

Ricardo Resende, técnico do sub-20, junto de Ênio — Foto: Fabio de Paula/Botafogo
Sousa

O zagueiro é um dos líderes do time de baixo e confirmou a boa fase ao ser convocado para a seleção brasileira sub-20. Por isso, não esteve em campo contra o Vasco no último domingo. É bem avaliado internamente, tanto que o clube tentou liberá-lo na CBF quando teve desfalques na defesa.

Sousa já jogou nesse Brasileirão — Foto: Vitor Silva/Botafogo
Ênio

O camisa 10 do sub-20 é outro nome que o Bota trabalha com a expectativa de render no profissional. Faz segundo semestre ótimo na base e se destaca na arrancada no Brasileirão e no Carioca da categoria. Com a dificuldade do time de cima com jogadores para as pontas do ataque, parte da torcida pede a promoção imediata.

Rafael Navarro

Assim como Ênio, o centroavante também foi testado no início da temporada, durante o Carioca, e foi para o sub-20 para não perder ritmo. Virou titular absoluto e marcou gols importantes na base. No time de cima, a concorrência é considerável com Pedro Raul e Matheus Babi, mas pode ser considerado para essa ou a próxima temporada.

Navarro (direita) e Matheus Nascimento são destaques no ataque alvinegro — Foto:  Vitor Silva / Botafogo
Matheus Nascimento

Matheus é a grande joia do Botafogo. O atacante é destaque absoluto na base alvinegra e na seleção brasileira, tanto que apareceu como titular na final do último domingo mesmo aos 16 anos. Também pulou etapas ao ser convocado para a Seleção sub-20. Já fez dois jogos pelo time profissional nessa temporada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: