fbpx

MC Livinho se despede do São Caetano após oito jogos e nenhum gol: “Consegui realizar o sonho”

Chegou ao fim a passagem do cantor MC Livinho como jogador profissional do São Caetano. Foram praticamente quatro meses e oito jogos pelo Azulão na disputa da Copa Paulista. O time do ABC acabou eliminado na semifinal da competição para o São Bernardo.

Em oito jogos pelo São Caetano, sendo três deles como titular, MC Livinho não conseguiu marcar gol, mas protagonizou lances curiosos na primeira experiência como jogador profissional. Um gol quase feito, um pênalti sofrido que rendeu gol em jogo importante e vários outros lances. O contrato de Livinho era válido até o fim da participação na Copa Paulista.

MC Livinho atuou em oito jogos pelo São Caetano — Foto: Caíque Toledo/EC Taubaté

Em uma rede social, Livinho se despediu do clube e se emocionou ao falar do desejo que tinha de poder marcar um gol e dedicar para o avô, seu grande incentivador durante a infância. Apesar de agradecer a oportunidade que teve no São Caetano, o cantor também aproveitou para cornetar o técnico Max Sandro após ficar fora do duelo contra o São Bernardo.

– Muito obrigado a todos vocês que torceram por mim na realização do sonho de ser jogador profissional. Me dediquei nesse tempo todo, treinei e sou muito grato ao São Caetano por ter aberto essa porta para mim. O ciclo se encerra por aqui – contou Livinho.Consegui realizar o sonho de jogador. Só não consegui fazer o que tinha em mente, que era um gol no profissional para dedicar ao meu avô, que sempre me levou para jogar. Vô, eu te amo, onde você estiver.— disse Livinho.

– Para quem perguntou sobre o porquê de não ter jogado ontem, é o seguinte: ontem teve treino, treinei normalmente com todo mundo e depois teve um específico para os titulares e outro para os reservas. O professor me chamou, estava com um desconforto muscular, e o professor achou por bem não me levar. Queria só agradecer. O último jogo também, estava bem, mas o professor achou melhor não me colocar. Entendo e respeito a decisão de todos. Obrigado a todos que torceram por mim – explicou o cantor.

Livinho em ação pelo São Caetano na Copa Paulista — Foto: Comunicação/AD São Caetano

A ida para o São Caetano foi a terceira tentativa de Livinho de ser jogador de futebol profissional. Em 2018, o cantor passou por um período de testes no Oeste, treinando com o elenco que na época disputava Campeonato Paulista e Série B do Brasileiro. No ano passado, Livinho chegou a ser anunciado pelo Audax, mas desistiu antes mesmo de ser apresentado. Nas duas vezes, a agenda intensa de shows do cantor impediu o acerto com os clubes.

Sem shows em virtude das restrições impostas pela pandemia, Livinho procurou o São Caetano em busca de uma oportunidade. Inicialmente, o contrato seria válido até o fim da Copa Paulista. Ou seja, a ideia era se dedicar integralmente aos treinos e jogos, sem que os compromissos como cantor atrapalhem a rotina de atleta. Com as restrições diminuindo e a agenda de shows sendo retomada, o cantor optou por seguir apenas com a carreira na música.

Sem Livinho, o São Caetano agora planeja a disputa da Série A2 do Campeonato Paulista. A eliminação na Copa Paulista deixou o Azulão pelo segundo ano consecutivo sem vaga em uma competição nacional.

Veja abaixo outros vídeo do MC Livinho na carreira relâmpago como jogador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: