Marcelo Magno evita reajuste de 22% na conta de água em Arraial do Cabo

Um ofício do prefeito de Arraial do Cabo, Marcelo Magno, enviado ao conselheiro-presidente da Agência Reguladora de Energia e Saneamento Básico do Estado do Rio de Janeiro (Agenersa), Tiago Mohamed Monteiro, evitou que a concessionária Prolagos reajustasse a tarifa de água em 22%. Magno usou como argumento a pandemia da covid-19 responsável por causar queda na renda das famílias da cidade.

O reajuste na conta de água estava previsto para meados deste ano, mas acabou cancelado pela Agenersa. A solicitação do prefeito foi acatada pela  Agência na sessão regulatória realizada no último dia 1º.

“A Agência Reguladora está atenta ao cenário pandêmico que o Estado do Rio, e o mundo, atravessam. Buscamos sempre ampliar a comunicação com todos os envolvidos na regulação: usuários, concessionárias e concedentes. Sobretudo, acreditamos que o diálogo e a ação coletiva são sempre o melhor caminho para a garantia de eficiência, qualidade e justa tarifa dos serviços essenciais prestados à coletividade” disse o presidente da Agenersa.

Além disso, o prefeito se reuniu, na última terça-feira (2), com o presidente da Prolagos, Pedro Freitas, e o Conselheiro da Agenersa, Vladimir Paschoal. O objetivo da reunião foi alinhar os investimentos da concessionaria no Município. 

Na pauta, o desassoreamento do valão e a redução do impacto ambiental na Praia dos Anjos. Também foi discutido a ampliação da rede de abastecimento de água e de esgotamento sanitário dos distritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: