Magé encerra atividades do ‘maio laranja’

Mês é dedicado ao combate ao abuso sexual infantil

A Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos encerrou, nesta segunda-feira (31), as atividades do Maio Laranja, mês dedicado ao combate ao abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes. Uma coreografia chamada “Abusos”, assinada pelo coreógrafo Hilbert Dias e interpretada pelos bailarinos da Academia Sônia Castilho, foi o ponto alto do evento realizado na sede do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), no Centro de Magé. A programação contou ainda com palestra, outras atividades lúdicas e lanche para os usuários do equipamento público.

A secretária municipal de Assistência Social, Flávia Gomes, detalhou como Magé está atenta em relação ao tema.

“A assistência social municipal tem se engajado muito nesta luta, com o apoio do prefeito (Renato Cozzolino) e da parceria com as demais secretarias municipais e do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente. O CREAS, por exemplo, atende às crianças que passaram por violação de direitos, com trabalho multidisciplinar e encaminhamento para acompanhamento psicológico para superação dos traumas, que são muito grandes”, explicou a secretária.

Já a primeira-dama Lara Torres, que foi convidada para participar do evento, destacou a importância do envolvimento de todos para a superação do problema dos abusos infantis.

“Acho que esta é uma discussão muito pertinente, pois ignorar o problema seria o mesmo que aceitar. A gente não pode se omitir. Tem que ouvir, dar atenção e entender o que está acontecendo. E o nosso governo de amor está empenhado em políticas públicas para garantia dos direitos das nossas crianças e adolescentes”, argumentou a primeira-dama.

Além do CREAS, a rede de proteção social ao público infantil conta com oito CRASs, Unidade de Acolhimento Futuro Feliz, além dos Conselho Tutelar e Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA).

Números alarmantes – Segundo o site da campanha Maio Laranja, a cada hora três crianças são abusadas no Brasil e cerca de 51% delas têm entre 1 e 5 anos. Todos os anos, cerca de 500 mil crianças e adolescentes são explorados sexualmente no país mas somente 7,5% dos casos são denunciados às autoridades.

Significados da data e do símbolo – O Maio Laranja é referente ao 18 de maio, instituído pela lei federal 9.970/2000. O dia é uma referência ao bárbaro caso da menina Araceli de 8 anos, brutalmente violentada e assassinada em Vitória (ES) nesta mesma data em 1973. Em 1991, os três réus acusados do crime foram absolvidos do crime.

O símbolo da campanha é em flor de laranja como forma de recordação dos desenhos feitos na infância e da lembrança da delicadeza e da necessidade de cuidado e proteção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: