Magé comemora 455 anos com programação On-Line

No próximo dia 9 de junho, a cidade de Magé completa 455 anos de uma rica história. As comemorações desta importante data começam nesta segunda (1) e se estendem até a data comemorativa. Devido à pandemia do coronavírus, a programação neste ano será completamente on-line.

A Fundação Educacional e Cultural de Magé preparou 8 vídeos que serão publicados diariamente às 13h na página oficial da Fundação no Facebook (https://www.facebook.com/fundacaoculturaldemage/) com assuntos que englobam a temática dos 455 anos: “Viajando na história sem sair de casa”.

No dia 1 de junho, a abertura foi realizada pela diretora da Fundação, Cristina Bastos, com apresentação do Blog da Biblioteca Renato Peixoto dos Santos (https://bibliotecamageense.blogspot.com/) com links importantes para que a população não passe a pandemia sem o acesso à leitura. No dia 2, a temática da inclusão entrará em pauta com a publicação do Hino a Magé na Linguagem Brasileira de Sinais (Libras).

Em 3 de junho, uma conversa com Márcio Emerick, representando Barão de Mauá, vai apresentar o tema “Magé e fatos” direto da Estação Guia de Pacobaíba, a primeira da América Latina. O quarto dia de programação abordará a “Importância das Bandas Escolares nos desfiles cívicos de Magé” em uma entrevista com o mestre de bandas Matheus Rebello.

No dia 5, Ronaldo Meirelles falará sobre “A Musicalidade em Magé”. O Dr. Felipe Ribeiro apresentará a primeira parte do tema “Magé e sua importância na história”, no dia 6 de junho.

A segunda parte deste tema ficará a cargo da Dra. Juçara Mello, no dia 7 de junho. Na véspera do aniversário, 8 de junho, o Mestre Natalino trará a história religiosa do município através de Padre Anchieta com o “Poço Bento e sua religiosidade”.

Para fechar a programação, no dia 9 de junho, data dos 455 anos de Magé, uma live com participação de artistas mageenses e educadores vão dividir a História de Magé através de músicas, contação de histórias infantis e roda de conversa com temas sobre a cidade.

A live terá início às 13h com o artista Eric Fanuel com o tema “O samba e a história”. Às 14h, um momento infantil com a professora Luana Figueiredo. O Mestre D’Gelo chegará às 14h30 com “O negro e a luta pela liberdade”. Já às 15h, a “Música Popular” vem com Vitinho Cardoso. A secretária de Educação e Cultura, Álison Brandão, e a diretora da Fundação, Cristina Bastos, trarão temas mageenses a partir das 16h. O encerramento está previsto para às 17h com músicos da Fundação Educacional e Cultural de Magé.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TV Prefeito