fbpx

Lewandowski prepara decisão a respeito da sabatina de Mendonça no Senado

O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), deve dar uma decisão a respeito da sabatina de André Mendonça, indicado pelo presidente Jair Bolsonaro para uma vaga na corte, na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), após um mandado de segurança apresentado pelos senadores Alessandro Vieira (Cidadania-SE) e Jorge Kajuru (Podemos-GO).

A informação é da analista de política da CNN Thais Arbex. Segundo os senadores que entraram com o pedido junto ao STF, Davi Alcolumbre (DEM-AP), presidente da CCJ, se recusa a marcar a sabatina de André Mendonça.

Mendonça, que é ex-ministro da Justiça e ex-Advogado-Geral da União, foi o indicado do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) para ocupar o lugar do ex-ministro Marco Aurélio Mello no STF.

Existe a possibilidade de Lewandowski pedir que a Procuradoria-Geral da República (PGR) se manifeste sobre o tema ou que ele mesmo decida que este é um assunto do Senado.

Alcolumbre já afirmou que não há consenso sobre o indicado de Bolsonaro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: